Tudo sobre pílula anticoncepcional!

Padrão
O objetivo deste post é desmistificar algumas coisas e esclarecer outras sobre o uso da pílula anticoncepcional. Pois estou tento alguns problemas em relação as pílulas,assim desejo que vocês compartilhem comigo suas experiências.

1 – Sobre a Pílula

  • É um dos métodos anticoncepcionais mais utilizados do mundo.
  • É muito eficaz para evitar gravidez indesejada (até 99,9%)
  • Contém uma combinação de dois hormônios:  estrógeno e progestogênio.
  • Efeitos Colaterais mais comuns nos primeiros meses: cefaléia, náuseas, sangramentos vaginais irregulares,  dor nas mamas, depressão (Frequentemente cessam após alguns meses).
  • Há formulações recentes – chamada de pílula de microdose –  com baixa concentração dos hormônios em sua formulação e que contém doses de estradiol. Os efeitos colaterias aparecem de forma reduzida nesse tipo de pílula, em relação às de dosagem maior.
  • Traz efeitos benéficos à saúde como: regularização dos ciclos menstruais, redução das dores e cólicas menstruais, redução dos riscos de cistos e nódulos mamários, melhora no tratamento de acmes(espinhas) e do hirsutismo (pêlos em exagero na face, tórax e abdome).
  • Se utilizada por períodos longos (ao menos durante 2 a 4 anos) reduz o risco de câncer de ovário e de endométrio (camada interna que reveste o útero).

 

2 – Mitos e Verdades

  • A pílula não faz mal à saúde. 
  • A maioria das mulheres (72%) não apresenta alteração de peso com a pílula (Queixar de ganho de peso não é mais desculpa para não usar hehe).
  • O fumo aumenta os riscos de efeitos colaterais cardiovasculares – então tentem não fumar.
  • A pílula NÃO dificulta a gravidez após a interrupção do uso. Apesar do retorno à fertilidade demorar mais tempo quando comparado às mulheres que interromperam outros métodos contraceptivos, é um método 100% reversível (a função ovariana é restabelecida).
  • Parar de tomar a pílula pode causar acne.
  • Alguns remédios como a ampicilina e anti-convulsionantes podem reduzir a eficácia dos anticoncepcionais.
  • Não existem evidências que a pílula faça mal ao cabelo.
  • O risco de câncer é praticamente o mesmo entre aquelas que usam ACOs e as que não usam. Nos tumores malignos do útero e ovário, a pílula exerce um efeito protetor, proporcionando metade dos riscos das não-usuárias. Quanto à relação entre câncer de cérvice uterina e uso de ACOs, não existe ainda um consenso (alguns estudos indicam um aumento na incidência, mas nada definitivamente comprovado).
  • As pílulas possuem efeito sobre o sistema cardiovascular e é possível que estejam envolvidos de alguma forma no desenvolvimento de varizes, mas as pesquisas produziram resultados controversos até o momento.
  • A dismenorréia (menstruação dolorosa) é menos freqüente nas mulheres que não ovulam. Por isso, os ACOs podem ser úteis em 70-80% dos casosde dismenorréia.
  • Pesquisas têm mostrado que altas doses de ACOs em mulheres após a menopausa diminui o risco de fraturas e suspeita-se que possa melhorar a densidade óssea nas mulheres jovens (Faltam maiores comprovações científicas).
  •  Após os 40 anos e que acabaram de ter a última menstruação pode sim ocorrer uma gravidez indesejada. Nas mulheres que estão entrando na menopausa, recomenda-se o uso de ACOs por 12 meses após a última menstruação.

 3 – Escolha do Método Anticoncepcional

Deve-se levar em conta:

  • Reversibilidade do método
  • Adequação ao organismo da usuária
  • Disponibilidade
  • Acompanhamento médico
  • Custo
  • Proteção contra doenças sexualmente transmissíveis

 IMPORTANTE

  1. Não existe método anticoncepcional infalível
  2. A pílula não fornece proteção contra doenças sexualmente transmissíveis
  3. A mulher se conhecer, saber quando estar de TPM e tal, pode ser muito importante para melhorar a qualidade de vida, evitar brigas com quem se ama, etc.

4 – Eficácia dos métodos

Métodos Definitivos (100%) – Laqueadura tubária e vasectomia

Métodos Reversíveis – pílula combinada (até 99,9%), minipílula (até 97%), DIU medicado com cobre (até 99,58%), DIU medicado com levonorgestrel (até 99,80%), injeção mensal (até 99,70%), injeção trimestral (até 99,70%), implante subcutâneo (até 99,72%).

Métodos de Barreira - preservativo masculino/camisinha (88%) , preservativo feminino (79%) , diafragma (82%) , creme espermicida (79%).

Outros Métodos – coito interrompido (81%), tabelinha (80%).

Fonte: folder da Biolab e outro(Não tenho o nome do produtor) folder cheio de referências científicas.

 

About these ads

»

  1. Olá
    Espero que eu de alguma forma esteja ajudando a tds vcs que passarem por aqui.Estou tento problemas também com o uso da pílula(Diclin) receitada pela minha médica,os efeitos colaterais foram muito intensos e por isso ela achou melhor interromper o uso,agora começarei(talvez)a utilizar o Elaini ciclo mesma composição do yasmin,mas estou com medo,daquele lance de “podem causar infartos ou derrames cerebrais”contudo isso me deixa reciosa de tomar a bendita pílula,fora que tenho quase certeza que terei aqueles velhos sintomas,dor de cabeça,náusea,vômito…
    bem assim convido a tds vcs para compartilharem suas experiencias e deixarem sua opinião.

    Abraços a tds.

  2. Oi eu uso o Diclin, nunca tive problemas, daí mudei para os EUA e fiquei um periodo sem tomar, depois q me casei, tentei tomar a pilula americana Yas (que é a mesma do Yasmin) e tive sangramento, voltei para o Diclin, e agora ja estou há mais de 7 meses com ele e SANGRO MUUUUITO durante o mês, ja fiz exames e nada… passo muito mal tb uma vez po mês, geralmente quando minha mestruacao desce, muita dor de cabeça e nausea. Alguem sabe uma solução?? BJUS

  3. Olá Juliana
    Olha eu tomava o Diclin tb,tentei toma-lo por duas vezes,mas me sentia mto mal,naum aguentava,fiquei um tempo sem tomar e descobri o Elaine Ciclo que é bem fraquinho,que me fez bem,melhorou a pele,e naum tive mtos problemas para me adapitar,eu acho que seu caso deve ser pq vc trocou de pílula,e nosso organismo demora de dois a tres meses para se adaptar a pílula,o bom seria vc consultar o seu médico e verificar se essa pílula realamente é a melhor pra vc.
    Bjus flor.

  4. Olá,
    Bom eu sempre tomei a pílula Diclin e nunca tive problemas, fiquei um período de mais ou menos 4 meses sem tomar o anticocepcional e voltei faz 2 meses e continuo não tendo problema algum com a pílula, mais acho que isso devidamente vai de organismo pra organismo. Concerteza procurar o seu médico ginecologista pra saber o porque dessas reações é a melhor solução.
    Um grande beijo !

  5. Oi Gente,
    tenho 42 anos e nao tomava pílula há uns 18 anos.Comecei a tomar a Valette há quase três semanas e até agora estou sangrando.Nas 2 primeiras semana foi sangue bem vermelho e forte e agora só um maronzinho quando faco xixi.Meu médico mandou eu tomar entao por 5 dias 2 pilulas e eu tomo uma de manha e outra a noite.Mas tenho cólicas.Alguém pode me ajudar?

  6. Gente me encontro praticamente já sem esperanças… comecei o uso com pilulas desde os meus 17 anos após quase 1 ano sem menstruar fui a ginecologista e ela me pediu para fazer uma ultrasom qdo descobri q tinha ovário policistico ela receitou então Diane 35 tomei o Diane por um tempo qdo comecei a ter enjôos e mta dor de estômago..ela trocou para selene, memsa coisa…porém qdo eu iniava o próximo ciclo no 1º dia minha pressão baixava e eu quase desmaiava, fui então para o micropil R28, ficou em falat troquei para o R21 e nada! dei um basa e falei pra Drª q não aguentava mais passar tanto mal..desenvolvi até uma gastrite por conta disso. Foi quando ela receitou Perlutan Injetável! Com ele não passo mal porém meu rosto sofre com as acnes q são muitas! Já troquei para o mesigina ..e mesntruei 2 vezes além de reter líquido fiquei com um cabelo horrível…e dizem que não tem influencia tem sim! impossível eu não perceber! meu cabelo que crescia era mto mais crespo, ressecado! Perdi as esperanças ….meu último gincologista nem me deu atenção direito foi logo receitando elani ciclo…nem preciso escrever né gente? …a última agora depois de eu ter contado toda minha história ela falou que a última esperança é o Gracial q tem a msma fórmula do YES que nunca tomei ….ontem tomei a primeira pilula e vomitei 3 vezes durante a noite …acordei com uma terrível dor de cabeça! e Qdo leio a bula eles falam que os efeitos colaterais são pequenos e desaparecem com o tempo d uso…agora pergunto depois dessa noite terrível vcs acham que tomarei a segunda pilula? Sem condições! não sei mais o q faço …vejo que sem anticoncepcional eu emagreço muito e me sinto mto fraca! O melhor foi o perlutan porém minha pele fica HORRÌVEL! se alguém pude me ajudar fico muito grata! beijos gente!

  7. Nossa Aline vou tentar te ajudar.existem estudos que mostram que algumas mulheres tem intolerancia a todas essas pilulas,pois muitas apenas tem nomes diferentes e laboratorioas diferentes,as substancias são as mesmas.
    Porém existe uma nova tecnica que pode te ajudar se chama IMPLANTES HORMONAIS – ANTICONCEPÇÃO DE LONGA DURAÇÃO

    O implante subdérmico de levonorgestrel – um progestágeno – é chamado NORPLANT. É um método de contracepção hormonal que só contém progestágeno. Desde 1990 este método foi liberado para uso nos Estados Unidos, entretanto já era usado há mais tempo em outros países.

    O Norplant é um sistema que consiste em 6 cápsulas que contém levonorgestrel. Este progestágeno é liberado lentamente das cápsulas tendo duração de 5 anos, desde a inserção.
    Talvez com esse método ou a colocação do DIu vc possa ficar livre dessas noites terriveis que ja passei por isso e sei como é.
    Sorte querida desejo tudo de bom pra vc.

    Bjus

  8. Gente preciso de uma resposta… Começando a tomar a pílula pela primeira vez. Depois de que tempo a mulher já esta protegida de uma gravidez?

  9. Faz um ano que não tomo nenhuma pilula.
    Sou casada a sete anos e temos uma filha de 6 anos.
    Bem parei de tomar a pilula por motivos religiosos.
    Desde 18 de janeiro de 2010 eu e meu esposo fazemos o método billings que onde a mulher tem todo o poder de saber se está fértil ou infertil.
    Esse método é o método do casal onde os dois se respeitam mutuamente.
    nossa vida conjugal melhorou muito após essa benção de Deus em nossas vidas.
    Mas para que isso ocorra os dois tem que ter o mesmo pensamento.
    O nome do livro que comprei para aprender o método é método billings da Doutora Evylin e Any…
    toda mulher deveria conhecer.

  10. Gente estou com uma DUVIDA , seguinte estou tomando o anticoncepcional yaz , mas ainda só faz 24 dias e tive relação com o meu namorado e fizemos sem camisinha , queria saber se mesmo assim tomando o anticoncepcinal a 24 dias corro o risco de estar grávida?

  11. Eu tomei diclin ,e passei mto mal,,,,:( ate q ele melhora a pele ,pelo q deu pra perceber, mas nao aguentei ele mto tempo ,e parei..tomo agora o Selene ,q foi o meu primeiro anticoncepcional

  12. Oiii tomo o anticoncepcional Dicin a 3 meses e não tive nenhum problema com ele , nos primeiros dias de uso minha mestruação deu uma desregulada mais agora ela desce normal , minha pele ta beem melhor , não engordei pelo contrario ate emagreci

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s