alimentação viva:mudança de habitos

Padrão

MUDAR HÁBITOS PARA REGENERAR A VIDA

O corpo necessita dos macronutrientes (proteínas, carboidratos, gorduras e fibras) e micronutrientes (vitaminas e sais minerais) que estão presentes nos alimentos. A ciência da nutrição estuda sobre estes nutrientes e avalia a suas funções no organismo. No entanto, essas pesquisas estão voltadas para atender as exigências do mundo moderno e garantir a permanência do sistema capitalista.

Ao refletirmos sobre o funcionamento do corpo e sobre a manutenção da vida nos organismos vivos, podemos concluir que o homem pouco conhece sobre os processos vitais do corpo e que muitos dos procedimentos utilizados na produção dos alimentos são contrários à manifestação da vida.

No que diz respeito à nutrição do corpo, as investigações da ciência da nutrição não valoriza os aspectos relacionados à energia vital dos alimentos.

A maioria dos alimentos oferecidos no mercado são produzidos com utilização dos agrotóxicos e hormônios, são refinados e ainda durante os processos de industrialização são acrescidos de substâncias tóxicas, como corantes, acidulantes, flavorizantes, conservantes, etc. Nestes diversos tipos de processamento e mesmo no cozimento os alimentos ficam cada vez mais desvitalizados. O organismo humano ao digerir e utilizar esses alimentos esgota suas próprias reservas vitais de energia. Diante disto, não é para se admirar o surgimento de tantas doenças alérgicas e degenerativas. A alergia é um sintoma de defesa do corpo, o qual não reconhece os alimentos ingeridos, que são incompatíveis com sua natureza estrutural e energética.

A degeneração do organismo se desenvolve no decorrer da cronicidade desses processos alergênicos provenientes da batalha que o corpo estabelece, em busca do equilíbrio para a continuidade da vida,.

A melhor alimentação para o corpo deve ser composto em sua maioria por alimentos: geradores de vida, que são as sementes germinadas(brotos) e os mantenedores de vida, que são as verduras cruas, frutas frescas, sementes e castanhas.

Os seres vivos, que produzem esses alimentos, para serem desenvolvidos, retiram a energia vital da natureza, que vêm dos 4 elementos que a compõem: fogo(sol), ar(gás carbônico e oxigênio), água(H2O), terra(sais minerais).

Ao alimentarmo-nos de alimentos vivos, estamos nos alimentando da energia presente no meio natural que, ao interagir nos organismos vivos promove, gera e mantém a vida.

MUDAR HÁBITOS

* Conhecer o que comemos
* Estudar sobre os aditivos químicos que estão presentes na sua alimentação;
* Substituir os alimentos destruidores da vida por alimentos mantenedores da vida
* Combinar os alimentos
* Mastigar adequadamente os alimentos
* Incluir na alimentação os alimentos geradores de vida e ativadores da vida na sua maior parte para despoluir o organismo
* Tomar sol pela manhã antes das dez horas
* Prática diária de exercício físico

Para a mudança de hábito alimentar, tendo como alvo uma alimentação saudável e bio- vegetariana, o aspirante que deseja fazer esta opção, para não correr o risco de uma deficiência na ingestão nutrientes, é aconselhável que faça esta mudança aos poucos incluindo na dieta os alimentos biogênico(geradores de vida), que são grãos germinados, capazes de regenerar e fornecer as substâncias ao bom desempenho do organismo.

Um período de transição é necessário para que o corpo possa de adaptar-se à nova dieta, tanto ao nível fisiológico quanto ao energético. Cada pessoa deve sentir as necessidades do próprio corpo e as necessidades de sua alma neste processo, o tempo que vai demorar em cada transição varia, pode demorar dias, meses, anos, dependendo do processo transformador que impulsiona o “ser”.

AS BASES DA ALIMENTAÇÃO VIVA

Alimentação viva é a mantenedora e geradora de vida. Os seres vivos precisam se alimentar desta energia para que a vida possa se manifestar em sua plenitude. A energia vital está presente na natureza, no ar que respiramos, no sol, na terra, na água. Ao interagirmos com estas energias da natureza estamos alimentando a vida que pulsa em nós.

O alimento vivo, frutas, verduras cruas, sementes, brotos absorvem esta energia da natureza. Quando comemos estes alimentos, recarregamos as nossas baterias, nos harmonizamos com as forças da natureza.

Fonte: site vegetarianismo.

»

  1. Cara mto legal o lance da dieta viva,so da preguiça de seguir todos os conselhos,mais mto importante também para a saúde.
    Gostei muito do seu blog,agora estarei sempre aqui pra deixar minha opinião.
    Abrax.

  2. Sabe Renata… Tenho tentado mudar meus hábitos alimentares. Sei que não é uma tarefa fácil, mas a perseverança vale muito. Agradeço por ter visitado o Viver e Pensar. Deus abençoe ricamente sua vida. Junior Della Mea

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s