Arquivo da tag: cardápio

Alimentação para diabéticos

Padrão

Não é novidade nenhuma que o portador do diabetes vive muito bem se mantiver uma alimentação regrada e o índice de glicemia nos patamares ideais. Mas o que pouca gente sabe é que para fazer isso não é necessário um sacrifíco absurdo, desde que o paciente mantenha uma dieta saudável muito semelhante às que são indicadas para quem quer se alimentar bem e ter qualidade de vida.

Confira alguamas dicas de alimentação:

Arroz, pães e massas integrais:  Os carboidratos complexos presentes nesses alimentos são digeridos mais lentamente pelo organismo, liberando a glicose em pequenas doses. Isso é benéfico para o diabético, que não terá picos de índice glicêmico quando comer esse nutriente.

Leite desnatado: para reduzir o consumo de gordura, a recomendação é trocar leite integral por desnatado e preferir derivados mais magros. Não caia no mito de que a versão desnatada do leite tem menos quantidade de cálcio e proteínas que a integral. Na verdade, você ingere apenas menos gordura e não perde os benefícios.

Legumes e verduras à vontade: ricos em fibras, vitaminas e minerais antioxidantes, os legumes e verduras são importantes à nutrição e à saúde de todas as pessoas, mais ainda dos diabéticos, cuja dieta deve ser rica e variada nesses alimentos.

Atenção às frutas:As frutas, muitas vezes, são uma armadilha para a dieta dos diabéticos. É muito comum a pessoa achar que pode consumir frutas à vontade, pois são alimentos muito saudáveis.
Todas as frutas têm carboidratos simples, como a glicose. Só que, por conta das fibras e outros diversos nutrientes presentes nelas, podem ser consumidas em quantidades maiores que as de outros carboidratos simples. A recomendação para os diabéticos é ingerir no máximo três a quatro porções de fruta por dia, e sempre optando pelas menos calóricas.

Não exagere nas porções: o diabético pode estar fazendo uma dieta correta e rica em alimentos saudáveis, mas, se exagerar nas porções, estará caminhando na direção oposta. O excesso de calorias é nocivo ao diabético, mesmo que ele esteja comendo os alimentos mais indicados.

Inclua no cardápio 10 alimentos que te deixam mais feliz

Padrão

Não tem quem não seja tomado por uma sensação reconfortante depois de fazer uma deliciosa refeição. E se no cardápio tiver um docinho de brinde, a vida fica melhor ainda. “Isso por que independente do alimento que consumimos, comer provoca uma confortável sensação de bem-estar já que suprimos as necessidades físicas do nosso organismo. Mas ainda há a turma de alimentos que potencializam esta reação, já que levam em sua composição, substâncias que aumentam a liberação da serotonina, hormônio neurotransmissor responsável pela sensação de prazer“, explica a nutricionista e bioquímica Lucyanna Kalluf.

A seguir, a especialista sugere 10 alimentos que são obrigatórios para um prato e dias mais alegres. Confira: 

1) Banana: a fruta é um carboidrato rico no aminoácido triptofano ( cada 100g da banana contém em média 18mg de triptofano). Acontece que este aminoácido é uma substância precursora da serotonina. “Sem serotonina, o organismo fica suscetível a males como depressão, irritabilidade, insônia, ansiedade, mal humor e hiperfagia (aumento exagerado da fome)”, explica Lucyanna Kalluf. A serotonina também é considerada como sendo uma substância anorexígena, diminuindo a compulsividade e a fome.

2) Abacate: esta fruta rica em ácido fólico, vitamina B3 ( niacinamida) e potássio. O abacate também tem mais proteína que qualquer outra fruta, cerca de 2 g para cada porção de 110 g. Possui, ainda, quantidades úteis de ferro, magnésio e vitaminas C, E e B6. A niacinamida ( Vitamina B3) tem ação específica sobre o sistema nervoso central, colaborando com a manutenção de hormônios que regulam as substâncias químicas do cérebro e garante efeito relaxante. Esta vitamina tem ação conjunta com o ácido fólico, que atua como coenzima de diversos neurotransmissores do bom humor. Dica: fique atento ao valor calórico da fruta: cada 110 g contém cerca de 200 calorias.

3)Mel: o alimento é um carboidrato fonte de triptofano, com ação calmante que induz a uma sensação de bem estar melhorando a função da serotonina no cérebro. O mel tem uma função importante como regenerador da microflora intestinal, quando combinado aos lactobacilos presentes no intestino. Sabe-se que mais de 90% da serotonina é produzida no intestino, portanto o mel ajuda a manter a integridade intestinal colaborando com uma melhor regulação neuro-endócrina, com mais serotonina e mais disposição e sensação de prazer.

4) Nozes: esta oleaginosas possui vitamina B1 (tiamina), que ajuda a converter glicose em energia. Também imita a acetilcolina, neurotrasmissor que possui um papel nas funções cerebrais relacionadas com memória e cognição. Também carrega o Inositol (fosfatidilinositol), substância reconhecida como parte do complexo B, que é necessário para o correto funcionamento dos neurotransmissores serotonina e acetilcolina.

5)Tofu : é o queijo à base de soja. Com muitos nutrientes, o tofu tem o dobro de proteínas do feijão e 45% menos calorias que o queijo minas. Importante fonte de magnésio mineral que atua na regulação do metabolismo cerebral e participa da metabolização de alguns aminoácidos. “A deficiência de magnésio resulta em fadiga e deficiência de enzimas envolvidas na produção de energia”, explica Lucyanna Kalluf. Meia xícara de tofu tem em média 110mg desse mineral.

6) Ômega 3: os peixes de água fria (salmão, atum, cavalinha) são considerados excelentes fontes de ômega 3 , um ácido graxo com efeito protetor sobre os neurônios. A relação de consumo desse ácido graxo e a felicidade, está no aumento na produção dos receptores de neurotransmissores como: a serotonina, a dopamina e a noradrenalina que protegem o cérebro e o sistema nervoso central dos radicais livres, substâncias responsáveis pelo envelhecimento celular.

7) Gérmen de trigo: é a parte mais nobre do trigo, que quando é refinado perde esta propriedade, e uma excelente fonte de todo aporte vitamínico do complexo B, atuando como calmante natural que diminui a irritabilidade e o nervosimo. Tem inositol, presente nas membranas celulares como fosfatidilinositol, que é necessário para o correto funcionamento dos neurotransmissores serotonina e acetilcolina. “Também carrega o ácido pantotênico, a vitamina B5 ou vitamina anti-estresse que atua na síntese da acetilcolina, conferindo melhor adequação dos impulsos nervosos e das funções cerebrais”, aponta a nutricionista.

8)Canela: rica em polifenóis e antioxidantes, esta especiaria melhora a atividade da insulina, ajuda a estabilizar os níveis de açúcar no sangue e reduz a compulsão por carboidratos e doces. Assim, colabora para evitar o sobrepeso e o acúmulo de gorduras na região abdominal e mantém a produção de serotonina em equilíbrio.

9)Lentilha: é fonte de proteínas vegetais e cálcio, contribuindo significativamente para a regulação da flora intestinal. O equilíbrio do cálcio e magnésio no organismo atua no metabolismo cerebral e na produção de neurotransmissores, como serotonina e dopamina, responsáveis pela sensação de prazer e bem-estar.

10)Chá verde: afasta os riscos do estresse oxidativo, que é a deficiência de substâncias antioxidantes no organismo, trazendo como consequências doenças como a obesidade e até depressão. O chá verde é rico em polifenóis, nutrientes antioxidantes que atacam os radicais livres das células cerebrais, mantendo a sua atividade neuroprotetora, diminuindo a probabilidade de inflamação cerebral e favorecendo sensação de bem-estar.

Azeite evita ataques de gula

Padrão

No intestino, um dos componentes do azeite se transforma em hormônio capaz de barra a fome.

A notícia acaba de sair na publicação científica Cell Metabolism. Segundo cientistas da Universidade Sapienza de Roma, na Itália, e das universidades Yeshiva e da Califórnia, ambas nos Estados Unidos, um dos principais componentes do azeite de oliva é capaz de prolongar a sensação de saciedade entre as refeições. Eles se referem ao ácido oléico que, ao alcançar o intestino, se transforma em um hormônio de nome complicado, o oleoletanolamida. “Enquanto a substância está em circulação, o organismo entende que ainda não é hora de comer. Ou seja, não sente aquela fome avassaladora”, explica Daniele Piomelli à SAÚDE!

A descoberta da metamorfose do ingrediente do azeite em substância antigula agitou o mundo científico. E não para menos. É a primeira vez que pesquisadores notam que uma comida está diretamente ligada a produção de um hormônio. E que hormônio! ”Nossas experiências foram realizadas em ratos. Mas devem levar a uma nova recomendação para a dieta de seres humanos que têm no apetite desenfreado o maior inimigo na batalha contra o excesso de peso”, diz Piomelli. 

Enquanto o azeite provou ter efeito positivo, as gorduras saturadas e, principalmente, a trans revelaram que são capazes de inibir a produção do hormônio fabricado no intestino. “No caso, não sabemos direito como acontece essa inibição. Mas dá para presumir que é melhor privilegiar o azeite nas refeições e deixar de lado esses outros tipos, apesar de toda gordura oferecer a mesma quantidade de calorias”, conta o cientista que conduz suas investigações na Universidade da Califórnia, em Irvine. 

De fato, não importa se é o bendito óleo de oliva ou um pedaço de bacon ou, ainda, a trans de uma bola de sorvete: cada grama de ácido graxo sempre oferece 9 calorias. Por isso mesmo, não é bom exagerar. O recado para quem quer emagrecer é fazer uma troca, escolhendo sempre o azeite como fonte de gordura no cardápio.

 

 Fonte: http://saude.abril.com.br/

Seque 4 kg em 7 dias

Padrão

Um programa de spa para você enxugar um manequim e entrar naquele vestido justíssimo em apenas uma semana.

 

Atire a primeira cenoura quem nunca pensou como seria bom liquidar os quilos extras num spa. De fato, passar uma temporada nesses locais enxuga as medidas rapidamente: os nutricionistas de plantão garantem o regime 24 horas por dia e as guloseimas não passam nem na porta. Porém, os preços costumam ser altíssimos, o que inviabiliza o projeto para a maioria de nós, meras mortais…

Mas calma! Nada de abandonar o sonho pela silhueta esbelta. Fomos atrás da dieta do Spa Fazenda Igaratá, em Igaratá (SP), que promete afinar até 4 kg em apenas uma semana. Muitas pessoas pensam que o segredo para emagrecer depressa é ficar sem comer. O correto, porém, é fazer uma dieta à base de sopas, verduras, legumes e carnes magras. Assim, você consegue eliminar as medidas sem prejudicar a saúde, alerta João César Castro Soares, endocrinologista e nutrólogo do Fazenda Igaratá, que revelou tintim por tintim o seu programa.

 Entre no clima

 Antes de separar os ingredientes e começar a seguir o cardápio, saiba que o sucesso do programa depende também da mudança de certos hábitos. Afinal, nos spas, os hóspedes aprendem o estilo de vida que os fará emagrecer e, o mais importante, mantê-los magros por muito tempo. Comer fora de hora, por exemplo, é mania que deve ser abolida: faça três refeições principais e dois lanches intermediários. 

 Segredos de SPA

· Comece a refeição pela salada e mastigue as verduras e legumes lentamente. Isso fará com que sinta menos fome diante do prato principal;

· Deixe as frutas e as verduras à vista dentro da geladeira e esconda as gostosuras nas gavetas para reduzir as chances de furar a dieta;

· Use e abuse dos temperos naturais. Alho, salsa, cebola e orégano dão um sabor especial e ainda colaboram com a saúde;

· No supermercado, dê preferência às versões light. É um jeito fácil de eliminar calorias do cardápio  sem exagero.

· Tenha sempre em casa chá de camomila. Além de driblar a fome, a bebida quente ajuda a relaxar e adormecer.

· O ideal é que o cardápio seja seguido por uma semana, mas nada impede que se estenda esse prazo.

· A única condição da dieta é não consumir carboidratos e proteínas numa mesma refeição. “Não consuma, por exemplo, grãos, batata e farinha junto com carnes, ovos ou derivados do leite. A combinação desses nutrientes gera uma substância que estimula o organismo a estocar gordura”, explica o médico.

· A dieta não tem contra-indicações. ‘Não há proibições – ao contrário. Durante o dia, é possível comer alimentos de todos os grupos, só que em refeições distintas. Os carboidratos, alimentos energéticos, devem ser consumidos no almoço, pois podem ser queimados nas atividades diárias. A proteína, que dá mais sensação de saciedade, fica para o jantar. Dessa forma, você não corre o risco de atacar a geladeira’, diz João César Castro Soares.

1º DIA

Café-da-manhã
· 2 copos de leite batido com 2 bananas e 2 colheres (sopa) de aveia

Lanche
· 2 copos de suco de melancia

Almoço
· 2 conchas de sopa de mandioquinha batida no liqüidificador
· 1 copo de suco de maracujá

Lanche
· 1 iogurte desnatado batido com 1 taça de gelatina light

Jantar
· 2 conchas de sopa de chuchu com espinafre batida no liqüidificador
· 1 copo (200 ml) de suco de abacaxi

Ceia
· 1 xícara (chá) de leite de soja com 1 colher (chá) de achocolatado light

 2º DIA

 Café-da-manhã
· 1 fatia de pão de fôrma integral
· 1 colher (sopa) de geléia diet
· 1 fatia pequena de mamão

Lanche
· 1 banana

Almoço
· Salada com 1 colher (sopa) cheia de acelga picada, 1 prato (sobremesa) de agrião picado e 1 tomate. Tempere com algumas gotas de limão, 1colher (sopa) de azeite e sal
· 1 batata assada no forno com cebola, tomate e pimentão
· 1 fatia de melancia
· 1 copo de suco de maracujá

Lanche
· 1 taça de pudim de chocolate diet (pó para preparo vendido em supermercado)

Jantar
· Salada com 1 colher (sopa) grande de repolho cru picado, 1 rabanete pequeno e 1colher (sopa) de pepino picado. Tempere com 1 colher (sobremesa) de vinagre, 1 colher (sopa) de azeite e sal
· 1 concha de iscas de frango cozido com brócolis
· 1 copo de suco de melancia
· 1 taça de gelatina de morango light

Ceia
· 1 xícara (chá) de leite desnatado com achocolatado diet

 3º DIA

 Café-da-manhã
· 2 torradas integrais
· 1 colher (chá) de margarina light
· 1 fatia de melão

Lanche da manhã
· 1/2 maçã

Almoço
· Salada com 1 pires de alface, 1colher (sopa) de berinjela cozida ao vapor e 1 colher (sopa) de cenoura ralada. Tempere com algumas gotas de limão, 1 colher (sopa) de azeite e sal light
· 1 escumadeira de macarrão ao molho vermelho
· 5 morangos
· 1 copo de suco de pêra

Lanche
· 1 copo de iogurte light

Jantar
· Salada com 1 pires de alface, 1 pires de rúcula e 1 colher (sopa) de pepino picado. Tempere com 1 colher (sobremesa) de vinagre, 1 colher (sopa) de azeite e sal
· 1 concha de carne moída com legumes (vagem, abobrinha, cenoura)
· 1 copo de suco de pêssego
· 1 fatia de pudim de leite diet

Ceia
· 1 flã de baunilha diet (pó para preparo vendido em supermercado)

 4º DIA

 Café-da-manhã
· 1 fatia de pão de fôrma integral light
· 1 colher (sopa) de geléia diet
· 1 fatia de abacaxi

Lanche
· 1 fatia de mamão

Almoço 
· Salada com 1 folha de chicória, 1 colher (sopa) de palmito e1 tomate pequeno. Tempere com algumas gotas de limão, 1colher (sopa) de azeite e sal.
· 1 berinjela recheada com 1 colher (sopa) de palmito, 1 colher (sopa) de carne moída, 1 colher (sopa) de milho (refogados em água com cebola e alho) e assada
· 8 jabuticabas
· 1 copo de suco feito de melão

Lanche 
· 1 fatia pequena de queijo branco

Jantar
· Salada com 1 pires de rúcula, 1 colher (sopa) de abobrinha ralada e 2 colheres (sopa) de nabo. Tempere com 1 colher (sobremesa) de vinagre, 1colher (sopa) de azeite e sal
· 2 colheres (sopa) de estrogonofe de frango (feito com 1 xícara de molho de tomate fresco e 1/2 caixinha de creme de leite light)
· 1 taça de pudim de chocolate diet
· 1 copo de suco de limão

Ceia
· 1 gelatina de morango diet

 5º DIA

 Café-da-manhã
· 2 unidades de torrada integral
· 1 colher (chá) de margarina light
· 1 fatia de mamão

Lanche
· 1 pêra

Almoço
· Salada com 1/2 pires de alface, 1/2 pires de rúcula, 1/2 pires de agrião e 1 colher (sopa) de vagem cozida. Tempere com algumas gotas de limão, 1 colher (sopa) de azeite e sal
· 2 colheres (sopa) de arroz
· 1/2 concha de feijão
· 1 colher (sopa) de couve picada refogada
· 1/2 laranja
· 1 copo de suco de mexerica

Lanche
· 1 fatia de ricota

Jantar
· Salada com 1 pires de alface, 1 colher (sopa) de pimentão cru, 2 colheres (sopa) de berinjela cozida no vapor. Tempere com 1 colher (sopa) de azeite e sal
· 1 fatia de lagarto feito na panela e temperado com ervas finas
· 1 copo de suco de melancia

Ceia
· 1 taça de gelatina de abacaxi diet

 6º DIA

 Café-da-manhã
· 1 fatia de pão de fôrma integral light
· 1 colher (sopa)de geléia diet
· 1/2 carambola

Lanche
· 1 barra de cereais

Almoço
· Salada com 1/2 pires de espinafre cru, 1/2 tomate e 2 colheres (sopa) de acelga. Tempere com algumas gotas de limão, 1 colher (sopa) de azeite e sal – 1 concha de iscas de carne cozida
· 1 banana cozida com canela
· 1 copo de suco de abacaxi

Lanche
· 1 flã de chocolate light

Jantar
· Salada com 1 pires de escarola crua, 1 colher (sopa) de pepino e 1 fatia média de cebola, temperada com 1 colher (sobremesa) de vinagre e 1 colher (sopa) de azeite e sal
· 1 omelete feito com 2 ovos
· 1 copo de suco de acerola

Ceia
· 1 copo de leite desnatado

 7º DIA (dieta líquida)

 Café-da-manhã
· 2 copos de leite batido com 2 bananas e 2 colheres (sopa) de aveia

Lanche
· 2 copos (200 ml) de suco de melão

Almoço
· 2 conchas de sopa de legumes batida no liqüidificador
· 1 copo (200 ml) de suco de limão

Lanche
· 1 iogurte desnatado batido com 1 taça de gelatina light

Jantar
· 2 conchas de sopa de chuchu com espinafre batida no liqüidificador
· 1 copo (200 ml) de suco de maracujá

Ceia
· 1 xícara (chá) de leite de soja com 1 colher (chá) de achocolatado light

 Atire a primeira cenoura quem nunca pensou como seria bom liquidar os quilos extras num spa. De fato, passar uma temporada nesses locais enxuga as medidas rapidamente: os nutricionistas de plantão garantem o regime 24 horas por dia e as guloseimas não passam nem na porta. Porém, os preços costumam ser altíssimos, o que inviabiliza o projeto para a maioria de nós, meras mortais…

Mas calma! Nada de abandonar o sonho pela silhueta esbelta. Fomos atrás da dieta do Spa Fazenda Igaratá, em Igaratá (SP), que promete afinar até 4 kg em apenas uma semana. “Muitas pessoas pensam que o segredo para emagrecer depressa é ficar sem comer. O correto, porém, é fazer uma dieta à base de sopas, verduras, legumes e carnes magras. Assim, você consegue eliminar as medidas sem prejudicar a saúde, alerta João César Castro Soares, endocrinologista e nutrólogo do Fazenda Igaratá, que revelou tintim por tintim o seu programa.

 Entre no clima

 Antes de separar os ingredientes e começar a seguir o cardápio, saiba que o sucesso do programa depende também da mudança de certos hábitos. Afinal, nos spas, os hóspedes aprendem o estilo de vida que os fará emagrecer e, o mais importante, mantê-los magros por muito tempo. Comer fora de hora, por exemplo, é mania que deve ser abolida: faça três refeições principais e dois lanches intermediários. 

 Segredos de SPA

· Comece a refeição pela salada e mastigue as verduras e legumes lentamente. Isso fará com que sinta menos fome diante do prato principal;

· Deixe as frutas e as verduras à vista dentro da geladeira e esconda as gostosuras nas gavetas para reduzir as chances de furar a dieta;

· Use e abuse dos temperos naturais. Alho, salsa, cebola e orégano dão um sabor especial e ainda colaboram com a saúde;

· No supermercado, dê preferência às versões light. É um jeito fácil de eliminar calorias do cardápio sem exagero.

· Tenha sempre em casa chá de camomila. Além de driblar a fome, a bebida quente ajuda a relaxar e adormecer.

· O ideal é que o cardápio seja seguido por uma semana, mas nada impede que se estenda esse prazo.

· A única condição da dieta é não consumir carboidratos e proteínas numa mesma refeição. Não consuma, por exemplo, grãos, batata e farinha junto com carnes, ovos ou derivados do leite. A combinação desses nutrientes gera uma substância que estimula o organismo a estocar gordura”, explica o médico.

· A dieta não tem contra-indicações. ‘Não há proibições ao contrário. Durante o dia, é possível comer alimentos de todos os grupos, só que em refeições distintas. Os carboidratos, alimentos energéticos, devem ser consumidos no almoço, pois podem ser queimados nas atividades diárias. A proteína, que dá mais sensação de saciedade, fica para o jantar. Dessa forma, você não corre o risco de atacar a geladeira’, diz João César Castro Soares.

 

 Fonte: http://mdemulher.abril.com.br/