Arquivo da tag: informação

Noticias sobre o Blog

Padrão

Olá gente

Preciso agradecer a todos que estão passando por aqui e estão gostando do blog, deixando comentários…muito bacana mesmo, obrigada galera

Fazendo esse post hoje venho informar aos meus leitores e visitantes que em breve estarei fazendo um boom de materias sobre chocolate

Estou buscando pesquisas, informações e reunindo tudo em materias bem simples e objetivas para trazer informações valiosas para vocês

Afinal Natal está chegando e quem não gosta de chocolate né 🙂

Logo logo o Blog estará cheio de novidades galera

Aguardem e não deixem de visitar o Regganata

Abraços

Renata Ramone

Airbus cai na Líbia com 104 pessoas. Só criança sobrevive

Padrão

O ministro dos Transportes da Líbia, Mohammed Zidane, disse nesta quarta-feira (12) que uma criança holandesa, que teria 10 anos de idade, é a única sobrevivente do acidente com um avião da Afriqiyah Airways, que caiu próximo do aeroporto de Trípoli com 104 pessoas a bordo no início da manhã.

Mais cedo, as agências de notícias internacionais já haviam informado que um menino de 8 anos teria sido levado a um hospital da capital líbia. A agência sul-africana Sapa e a francesa France Presse também citam um possível sobrevivente de nacionalidade holandesa. A Reuters, citando autoridades líbias, diz que 103 pessoas morreram e informa que o menino holandês não corre risco de morte.

Autoridades líbias dizem que equipes de resgate já recuperaram 96 corpos no local da queda do Airbus A330, que transportava 93 passageiros e 11 tripulantes. A aeronave partiu de Joanesburgo, na África do Sul, e caiu nos momentos finais da viagem, quando tentava pousar em Trípoli, por volta das 6h locais (1h de Brasília).

Em nota, a Afriqiyah Airways lamentou o acidente com o voo 8U771 e informou que ainda não tem confirmação sobre o número de vítimas da tragédia. “No momento, não podemos especular e vamos aguardar mais informações conforme o andar dos acontecimentos”, diz o comunicado.

De acordo com fontes locais, o avião faria escala em Trípoli e prosseguiria viagem rumo a Londres. Por isso, acredita-se que passageiros britânicos, bem como líbios e sul-africanos estão entre as vítimas.

O ministro de Relações Exteriores da África do Sul, Nomfanelo Kota, também informou que não tinha confirmação sobre o número de mortos.

– Neste momento, não temos informações a respeito de possíveis vítimas ou sobreviventes e nossa informação é que havia 93 passageiros e 11 tripulantes a bordo. As autoridades competentes realizam a missão de busca e resgate.

A empresa área colocou à disposição dois números de telefone para parentes e amigos que buscam informaçõs sobre os passageiros: 0213341181 (na Líbia) e +442033552737 (ligação internacional).

Ração humana

Padrão

Entrevista com Flávia Morais sobre ração humana

Confiram a entrevista:

1 – O que é a ração humana?

Ração humana é o nome dado a uma mistura de ingredientes entre eles cereais integrais e oleaginosas que é usado como complemento alimentar no preparo de bebidas.

2 – Qual sua composição?

Originalmente tem como ingredientes farelo de trigo, extrato de so

ja, linhaça, açúcar mascavo, aveia, gergelim, gérmen de trigo, gelatina, guaraná, levedo de cerveja e cacau.

Mas a receita pode ser adaptada de acordo com a necessidade da pessoa. Por exemplo, se for diabética, pode retirar o açúcar mascavo, se for celíaco, pode substituir o farelo de trigo, o gérmen de trigo, o levedo e a aveia por farelo de arroz e flocos de quinua.

3 – Como a ração humana age no organismo?

Por ter grande quantidade de fibras a ração humana modera o apetite, regulariza o intestino, auxilia no controle das taxas de colesterol sangüíneo. É fonte de micronutrientes necessários no processo de desintoxicação do organismo como magnésio e vitaminas do complexo B. Melhora o humor e a disposição.

4 – Apenas a ingestão deste suplemento é o suficiente para causar o emagrecimento? Por quê?

A ração humana é um coadjuvante no emagrecimento, mas não substitui reeducação alimentar e a atividade física. Devido ao alto teor de fibras, a ração humana aumenta a sensação de saciedade, assim comemos menos e emagrecemos.

5 – Como introduzir a ração humana no cardápio?

Para quem deseja emagrecer a sugestão é usar a ração humana em suco ou vitamina no café da manhã, como substituto dos pães, bolos e biscoitos. Para quem quer apenas enriquecer a alimentação é possível usar  a ração humana em um iogurte ou saladas de frutas no lanche da manhã ou da tarde.

6 – Qual a ingestão diária recomendada?

Aproximadamente 20g (2 colheres de sopa) em bebida, que pode ser suco, extrato de soja, bebida de arroz ou leite.

7 – Pode ser utilizado como substituto das refeições? Em caso afirmativo, quais e por quanto tempo?

Pode ser usado como substituto do café da manhã ou jantar. Pode ser usado pelo tempo que a pessoa desejar.

8 – Existe alguma versão menos calórica ou especial para quem possui algum tipo de restrição alimentar?

Existe no mercado a versão light, sem guaraná, sem cacau e sem açúcar mascavo. Praticamente não tem alteração no valor calórico, mas por não ter cafeína e açúcar é o tipo indicado para hipertensos e diabéticos.

9 – Usar a ração em excesso pode ter efeito contrário ao desejado, ou seja, ganho de peso? Por quê?

Dificilmente pode ter ganho de peso quem usar a ração humana, pois como aumenta a saciedade faz com que a pessoa coma menos. Destaco a necessidade de aumentar o consumo de líquidos/água para que a ração humana desempenhe seu papel de saciedade. Se a pessoa não beber água pode não ter a fome diminuída e ainda reclamar de constipação intestinal e flatulência.

10 – Em quais outros casos, que não o emagrecimento, a ração humana é indicada?

Como complemento alimentar, para quem quer melhorar a ingestão de nutrientes, para quem tem constipação intestinal, para quem precisa reduzir o colesterol. Como é feita de cereais integrais é boa fonte de vitaminas do complexo B, de cálcio, magnésio e fibras, por conter linhaça é fonte de omega 3, já o cacau tem efeito antioxidante.

11 – Em quais casos seu consumo não é indicado?

Na versão tradicional é contra-indicada para diabéticos, pois contém açúcar. Também é contra-indicada para celíacos, já que contém glúten.

12 – Seu efeito pode ser potencializado caso seja consumida com outros alimentos? Em caso afirmativo, quais são esses alimentos?

Seu efeito será potencializado com o processo de reeducação alimentar e atividade física. Inclua a ração humana como parte de um cardápio rico em frutas, verduras e legumes – de preferência orgânicos, cereais integrais e óleo vegetais prensados a frio.

13 – Quais são os principais benefícios dos ingredientes?

  • Farelo de trigo – boa fonte de fibras. Aumenta a saciedade e regulariza o funcionamento do intestino.
  • Extrato de soja – boa fonte de proteínas e vitaminas do complexo B.
  • Linhaça – rica em fibras. Boa fonte de omega 3. Auxilia na regularização do intestino e tem ação antiinflamatória.
  • Colágeno – proteína que da sustentação a pele, evita a flacidez e previne rugas e estrias. Prolonga a sensação de saciedade.
  • Aveia – rico em fibras, pectina, que dão a sensação de saciedade, auxilia no controle de diabetes e colesterol. Boa fonte de magnésio.
  • Açúcar mascavo – açúcar não refinado. Conté m ferro e cálcio.
  • Gergelim – alimento fonte de proteína, gorduras insaturadas e cálcio.
  • Gérmen de Trigo – fonte de proteínas e de vitaminas antioxidantes como a vitamina E e D.
  • Guaraná – fonte de cafeína. Estimulante.
  • Levedo de cerveja – boa fonte de vitaminas do complexo B e cromo, nutrientes importantes para o bom funcionamento do organismo. Melhora o metabolismo de carboidratos.
  • Cacau – fonte de polifenois de efeito antioxidante.

14 – É possível preparar a ração humana em casa? Qual a receita?

Sim, é possivel. A receita pode ser induvidualizada, posso usar todos os ingredientes ou excluir algum conforme o gosto individual. receita básica: Misturar 200g de farelo de trigo, 100g extrato de soja, 100g linhaça, 100g de açúcar mascavo, 100g de aveia, 100g gergelim, 100g germen de trigo, 100g gelatina, 25g de levedo de cerveja, 25g de guaraná em pó e 50g de cacau.

15 – Como deve ser armazenada e durante quanto tempo?

Depois de pronta, em pote bem fechado e guardado na geladeira, dura aproximadamente 1 mês.

16 – Quais as dicas para quem quer consumir a ração humana e eliminar aqueles quilinhos indesejados e aproveitar ao máximo o verão?

Associar o uso da ração humana a bons hábitos. Aumentar o consumo de frutas, verduras e legumes, aumentar o consumo de líquidos, preferir alimentos naturais, evitar os industrializados, refinados e embutidos, evi

tar frituras e molhos cremosos e fazer atividade física.

17 – Sugestões de receitas que utilizem a ração humana.

A ração humana pode ser adicionada na bebida de sua preferência. Pode ser adicionada a sucos, bebidas quentes, extrato de soja ou ainda sobre saladas de frutas ou iogurtes.

Agnaldo Timóteo chama Caetano Veloso de covarde e oportunista

Padrão

O cantor Agnaldo Timóteo soltou o verbo contra Caetano Veloso, em entrevista à coluna Entre a Gente, do Jornal da Tarde desta terça (10).

Ele falou que a declaração de Caetano ao Estado de S.Paulo, na semana passada, chamando o presidente Luiz Inácio Lula da Silva de analfabeto é “deplorável, oportunista, demagógica e covarde”.

Timóteo, que também é vereador em São Paulo pelo PR e é tão polêmico quanto Caetano, alfinetou ainda o compositor baiano por buscar, nos órgãos do governo, “vultosos patrocínios para suas apresentações elitistas”.

Caetano Veloso fez show da turnê Zii e Zie no Citibank Hall, em São Paulo, no último fim de semana. Antes da apresentação de sexta, em entrevista à Record, ele reafirmou que “Lula fala como analfabeto” e que não gosta da idéia de todos terem de “adular Lula”.

Ainda na sexta, após o show, Caetano se recusou a receber repórteres em seu camarim. Ele apenas permitiu a entrada de fotógrafos. No domingo, ele levou um tombo no palco e criticou a imprensa, por não ter repercutido como ele acha que deveria a morte do compositor baiano Neguinho do Samba, no Olodum, no último dia 31 de outubro.

O público foi fraco no show de Caetano e, no domingo, foi preciso que a casa de show colocasse uma cortina para tampar os muitos lugares vazios, concentrando o pouco público presente na região central da pista, em frente ao palco. O portal R7 deixou recado na assessoria de Caetano, que ainda não retornou a ligação.

 

 Fonte: http://www.folhavitoria.com.br/site

Fim da Evolução da Humanidade

Padrão

Um professor da Universidade de Londres afirmou que a humanidade chegou ao fim de sua evolução.

O geneticista Steve Jones, em uma conferência chamada “O Fim da Evolução Humana”, argumentou que, devido aos

avanços da tecnologia e da medicina, já não são apenas os mais fortes que passarão seus genes para a geração

seguinte.

Ele sugeriu que o tipo de homens que encontramos no mundo hoje é o único que haverá – porque os seres humanos

não ficarão mais fortes ou inteligentes ou saudáveis.

“Acho que todos estamos de acordo com o fato de a evolução ter funcionado de forma adequada para o ser

humano no passado”, afirmou o cientista à BBC.

Evolução e passado

“Um dos exemplos está nas razões que permitiram que o homem negro vivesse na África e o branco pudesse viver

na Europa.”

“O homem branco perdeu o pigmento de melanina da pele, absorvendo mais radiação solar e produzindo mais

vitamina D, permitindo que seus filhos crescessem mais saudáveis.”

“Este é apenas um exemplo, há vários outros. Ao compreender como foi a evolução no passado, podemos deduzir

como será no futuro”, afirmou.

Segundo o cientista, para que exista evolução são necessários três fatores: seleção natural, mutação e mudanças

aleatórias.

O cientista acredita que os humanos reduziram de forma inesperada nossas taxas de mutação devido às mudanças

de nossos padrões reprodutivos.

Estes padrões reprodutivos incluem mudanças sociais como os padrões de casais e os mecanismos anticoncepcionais.

As substâncias químicas e a poluição também alteraram a genética humana.

Mas, o fator mais importante que alterou as mutações é a redução do número de homens mais velhos que têm

filhos.

Mutações

Diferente das mulheres que, com o avanço da idade produzem menos óvulos, os homens nunca deixam de produzir

espermatozóides.

Quando o homem chega aos 29 anos, em média a idade de procriação masculina ocidental, ele já copiou e repassou

300 vezes o espermatozóide original que o criou (e que foi passado por seu pai). Em um homem de 50 anos, isto já

ocorreu mil vezes.

Cada vez que o espermatozóide é copiado e repassado, ocorrem divisões celulares, cada uma com possibilidades de

mutação, e talvez de erros.

Desta forma, com menos pais em idade avançada existem menos possibilidades de passar para a geração seguinte

mutações ou defeitos aleatórios.

Sem seleção

“Outro fator (a ser levado em conta) é a diminuição da seleção natural”, afirmou Jones.

“Na antiguidade a metade das crianças que nasciam na Inglaterra morria antes de chegar aos 21 anos e estas

mortes eram a base da seleção natural.”

“Hoje, em grande parte do mundo desenvolvido, 98% destas crianças sobrevivem, chegam aos 21 anos, quase não

existem diferenças entre os que morrem e entre os que sobrevivem antes de se reproduzirem”, acrescentou o

cientista.

Segundo o cientista também foi reduzida a quantidade de mudanças aleatórias na raça humana.

“Atualmente os humanos são 10 mil vezes mais comuns do que deveríamos ser, tendo como base as regras do reino

animal. E isto se deve à agricultura.”

“No mundo todo, todas as populações estão cada vez mais ligadas e as possibilidades de mudanças aleatórias estão

diminuindo”, afirmou Jones.

De acordo com o geneticista, “estamos nos misturando em uma espécie de massa global e o futuro não será branco

e negro, será cor de café”.

“Acredito que vão ocorrer mudanças, mas nossas mudanças não serão físicas, serão mentais”, afirmou Jones.

 Fonte:globo.com

Dicionário Hilário da Sexualidade

Padrão

A idéia era fazer um apanhado de informações úteis, mas aí nós lembramos que sexo pra ser muuuuuito bom tem que ter sua pitada de humor. Divirta-se!

“Pratique camisinha!”

Abstinência– É quando você vive e não transa e por isso mesmo começa a questionar se realmente está vivendo ou se é só um repolho com pernas. Ok, nem dá para descolar um parceiro sexual, mas, por favor não exagera na entre safra. Faz mal à saúde.

Afrodisíaco – Aquelas coisas que a gente realmente acredita que aumentam o tesão, a excitação. A gente acredita tanto que funcionam. Sim, incluindo o rabo de camarão.

Anafrodisíaco – Exatamente o contrário do afrodisíaco. São substâncias que diminuem ou acabam com o tesão. A mais conhecida é o salitre, mas acho que ter que pagar CPMF todo mês funciona mais.

Anorgasmia – É quando você não tem orgasmo nas relações sexuais. Não se assuste e não comece a gritar que você é uma anorgásmica, porque vão achar que você foi abduzida por alguma nave mãe. É comum não ter sempre orgasmos. Aliás, não encane com isso. O termo aqui é usado quando o buraco é mais embaixo. Pode ser primária, quando a mulher nunca teve orgasmo na vida, ou secundária, quando ela já teve orgasmos e passou a não ter mais. Às vezes também pode ser chamada de situacional, ou seja: a mulher não consegue ter orgasmos apenas em algumas situações como, por exemplo, quando o fofo fica 3 dias sem tomar banho naquela excursão para Matchu Pitchu.

Anticoncepcional – O melhor amigo da mulher que quer liberar a tchetchênia à vontade, mas não quer ter pimpolhos. O mais famoso é a pílula (hormonal). Um conselho: cuidado com a Tabelinha, chamado de anticoncepcional de abstinência periódica. Tabelinha, só para futebol, e olhe lá.

Bestialidade – É uma tara medonha e refere-se a qualquer contato sexual com animais. Não, ter tara no Brad Pitt, em Tróia, não é bestialidade. Se joga!

Bissexualidade – É quando a primeira faz tcham e a segunda faz tchum… São as pessoas que sentem tesão em gente de ambos os sexos, tipo Angelina Jolie.

Cinto de castidade – Tranqueira obviamente criada por homens para, mais uma vez, sacanear as mulheres. Eram usados na Europa Medieval e colocadas no corpo das mulheres para evitar pulação de muro. Eram feitas de metal.


 

Cisvestismo – É aquela tara louca de se vestir como bebê (com fraldas) ou criancinha. Isso claro num contexto sexual. Mas também pode ser outra mania, tipo: um executivo vestir-se de vaqueiro, policial etc. Não, nada a ver com o Clube das Mulheres.

Clitóris – Criaturinha gente boa que é a alegria da mulherada.
É o principal órgão do prazer feminino, fora o cartão de crédito. Fica na parte superior dos pequenos lábios (da Tchetchênia, óbvio. Se fosse na boca talvez justificasse o fato da gente falar tanto). A palavra deriva do grego kleitorís.

Coito interrompido – Famoso “tirar fora”. É aquela lábia que a homarada passa na gente e a gente cai que nem pata: Resultado: mundo superlotado. Além do que, aquela gosminha antes da ejaculação pode conter espermatozóides vivos. Não caia nessa, caia de camisinha!

Compulsivo sexual – É uma pessoa bem mais tarada que a gente, viciada mesmo em sexo. Ela fica o dia inteiro criando situações para transar e ou se masturbar. Mesmo tendo chegado ao orgasmo, não se sente satisfeita. Quem já não se deparou com um ser desses em sessão de cinema à tarde?

Condom – Vulgo camisinha, é o envoltório utilizado sobre a anaconda do homem durante o ato sexual. A primeira evidência de sua existência foi no século XVI. OU seja: o pessoa, lá da época já era inteligente o suficiente para usar. E você?

Cópula – Não tem nada a ver com aquele diretor de cinema famoso, o Coppola. A cópula é sinônimo de ato sexual.

Cunilíngua – Não é o que você está pensando. É o sexo oral feito na mulher. Vale lembrar que, embora ninguém faça isso, camisinha também é importantíssimo no sexo oral, seja no homem ou na mulher (nesse caso, usa-se a camisinha feminina), para evitar o risco de contágio das infecções sexualmente transmissíveis.

DST – Não tem nada a ver com o Movimento dos Dildos Sem Terra. É a sigla de Doença Sexualmente Transmissível. Antigamente, falava-se: doenças venéreas. Usar camisinha é o melhor jeito de evitá-las.
Alguns exemplos de DST: Sífilis, cancro mole, candidíase, herpes simples genital, gonorréia, HPV, linfogranuloma venéreo, pediculose do púbis, hepatite B, Aids, etc. Pois é…

Ejaculação – Todo mundo confunde, mas ejaculação é ejaculação e gozo e gozo. Como a Sandy é a Sandy. E o Júnior´é o Júnior. A ejaculação – vulgo alegria dos homens – é realizada basicamente por todos os mamíferos e é quando um jato de esperma sai do pênis (quando chega ao máximo da sua estimulação), neste momento acontece à liberação dos seus espermatozóides. A ejaculação pode ou não ser acompanhado pelo orgasmo.

Ejaculação feminina – Não, ela não é categoria mito junto com o Monstro do Lago e o Elo Perdido. Ela realmente existe e já foi observada em laboratório. O certo é que a ejaculação é uma liberação de líquido associada ao orgasmo e ao prazer da mulher e, portanto, completamente saudável. Nem todas as mulheres ejaculam e mesmo a mulher que já ejaculou pode não experimentar esse tipo de liberação toda vez que atinge o orgasmo. Por isso, não se assuste se você receber um jataço. Acontece nas melhores famílias.

Ejaculação precoce – É a famosa “Ops! Mas já?”, ou a incapacidade de controlar ou adiar suficientemente a ejaculação, para que a parceira também se esbalde na relação sexual. É um problema que tira o sono de muitos homens, principalmente na adolescência. Existem técnicas que podem ajudar a retardar o processo, por exemplo, pensar em alguma outra coisa durante o sexo. Você já tentou lembrar os nomes dos 7 anões? Não falha!

Falicismo e Custicismo – Um é o culto à anaconda masculina. O outro, à tchetchênia feminina. Ambos, representados em estátuas e coisas do gênero.

Felação – Famoso “bola gato”. É o sexo oral feito no órgão sexual masculino.

Fetichismo e parcialismo – Todo mundo confunde também. Fetichismo é atração por um objeto, geralmente peça de vestuário: bota, lingerie preta etc. Já, o parcialismo é uma intensa atração sexual por uma parte isolada do corpo, tipo o pé. Nunca saiu com um cara louco para pegar no seu pé? (literalmente).

Frigidez – Palavra que inspirou a música Bete Frígida, da Blitz. Significa a incapacidade de experimentar orgasmo ou, em termos mais amplos, de experimentar qualquer espécie de prazer sexual. Muita calma nessa hora: toda mulher sabe que ter orgasmo em toda relação não é bolinho, principalmente se o cara fica de cueca e meia. Isso não é ser frígida, ok?

Glande – Famosa “cabecinha” da anaconda masculina. Para quem não sabe, o pênis é composto por: raiz, corpo e glande. A glande é recoberta pelo prepúcio, aquela pele com cara de touquinah de inverno. A não ser que o homem seja circuncizados (operação cirúrgica que remove o prepúcio).

Hímen – Membrana gente boa encontrada ao redor da abertura da vagina de algumas mulheres. Ao contrário do mito popular, a presença ou ausência do hímen não indica se uma mulher teve ou deixou de ter relações sexuais com penetração. Mas eu não entendo bem o que significa isso, já que sempre achamos o contrário.

HIV – Human lmunnedeficiency Virus, sigla que em português quer dizer – Vírus da Imunodeficiência Humana. Famosa peste do século XX. O HIV é um verdadeiro exterminador do futuro de células do sistema imunológico, deixando o organismo indefeso, sem proteção a alguns tipos de doenças. A infecção pode acontecer durante uma relação sexual anal, vaginal ou oral; uma transfusão de sangue, uso de agulhas e seringas contaminadas, feridas ou cortes em pele ou mucosas. Aqui não dá nem pra brincar, a coisa é muito séria. Use camisinha! Use camisinha! Use camisinha!

Homossexualidade – Refere-se à atração sexual por pessoas do mesmo sexo. Pode ser o “G” (gay) ou o “L” (lésbica) da famosa sigla: GLS. O “S” é de simpatizando e não de: “Só um minuto que estou pensando minha preferência…”.

Incesto – É a relação sexual ou marital entre parentes próximos ou alguma forma de restrição sexual dentro de determinada sociedade. Coisa muito divulgada em novela onde um irmão, que não sabe que é irmão, se apaixona pela irmã, mas depois descobre que não é irmã e aí acaba tudo bem.

Impotência – Situação chata mesmo que acontece com os homens quando eles estão loucas pra dar uma. É a incapacidade de obter ou de manter uma ereção. È o nome politicamente correto de “broxar”. Mulher nenhuma sabe muito o que falar quando um homem falha nessas horas, mas uma vezinha ou outra não é grave. Se você é homem, não encane! Se você é mulher, pense que não é fácil fazer com que um líquido deixe o trecão assim tão duro.

Kama Sutra – Todo mundo acha o máximo, mas ninguém sabe praticar.
O livro foi escrito no século IV, pelo sábio nobre Vatsyayana. Ele escreveu o manual para a nobreza, especificamente para os homens, embora não tenha ignorado o que faz a mulherada ver estrelas. O Kama Sutra enfatiza o amor e engloba os cinco sentidos, sentidos esses que a gente esquece completamente que existem: audição, paladar, olfato, tato e visão, além da alma e da mente. A última vez que tentei praticar foi ridículo, rolou mais kama do que sutra.

Libido– Nome chic que arrumaram para tesão.

Masturbação – O diretor de cinema Wood Allen explica bem esse verbete: “Se masturbar é fazer amor com que você mais gosta: você!”

Ménage à trois – É aquela frase que faz a gente ter uma vontade incrível de estrangular o namorado/marido com o fio do OB. Sim, amiga, é quando ele vira e diz: “Vamos transar a três? Eu, você e mais uma mulher?”.

Ninfomania – Famosa louca por sexo. Quer dizer: não louca como a gente, nesse caso é uma doença mesmo, patologia.

Onanismo – Palavra usada como sinônimo de masturbação.

Orgasmo – Normalmente é o ápice da transa, embora muita mulher considere o ápice o abraço final. É o resultado de intensa excitação das zonas erógenas ou órgãos sexuais. Se você está sozinha, não se perocupe. Chame o Nestor, o vibrador, ele vem com pilhas alcalinas 😉

Pílula do dia seguinte – A pílula do dia, vulgo Pípula do Vacilão. Vacilão porque você não tinha nada que transar sem camisinha, principalmente nos dias férteis. A função da pílula do dia seguinte impossobilita a fecundação.

Pompoarismo – Técnica para portadoras de thetchênia malhada, ou seja: vaginas que praticam musculação. A prática de exercícios com a região pélvica é um costume difundido no oriente. Além da satisfação sexual do parceiro, o pompoarismo proporciona também o bem-estar da mulher. Os exercícios previnem algumas encrencas da velhice, tais como: a incontinência urinária, o afrouxamento muscular, queda de bexiga e útero etc.

Ponto G – Não, ele não foi descoberto pelo Gianechinni e sim pelo médico alemão Dr. Ernst Gräfenberg que diz ser ele uma concentração de terminações nervosas, vasos sangüíneos e glândulas ligadas ao clitóris que se localiza em torno da uretra. O ponto é especialmente sensível à pressão e, quando estimulado, pode proporcionar orgasmos intensos.

Sadomasoquismo – Um dá, o outro recebe. O recebe e o outro dá. Nesse caso, bordoada ou algum outro tipo de coisa que cause dor. A dor aqui é associada ao prazer.

Sexo casual – Aquele lance que acontece bem na noite em que a gente vai para a balada sem se depilar ou com a calcinha bege da avó.

Sodomia– É o mesmo que sexo anal e dói do mesmo jeito.

Swing – Uma das modas do momento onde rola a troca de casais. Existem correntes que consideram o swing quando um casal adiciona um ou mais pessoas numa relação sexual. De qualquer forma a pu——- rola solta. Se você for ciumenta, fique looooonge!

Sexo tântrico – Surgido na Índia, há 5 mil anos, no sexo tântrico a graça é adiar ao máximo o orgasmo, para obter prazer prolongado, às vezes por dias, como declarou o Sting. A mulher sempre fica por cima porque é considerada uma divindade. Não, nada de divindade de terreiro de macumba. Não confunda as coisas…

Vaginismo – Não se trata de uma tchetchênia abduzida, nada disso… É
uma contração involuntária dos músculos da vagina que impede que a penetração ocorra. Isso geralmente acontece quando a mulher fica tensa demais com o ato sexual.

Vouyerismo – É o chato que fica vendo os outros transarem ou ficarem  através da fechadura ou binóculo ou coisa do gênero.

Zonas erógenas – São determinados pontos ou trechos sensíveis da pele que, ao toque, desencadeiam uma reação de excitação. Peça para o seu homem dar uma de Discovery Chanel e explorar à vontade seu corpinho.

Zoofilia – Atração sexual por animais. Creda! Abandona esse corpo em nome de Deus! 

“Pânico” faz RedeTV! superar a Band na audiência

Padrão

O programa “Pânico na TV” elevou os índices de audiência da Rede TV! e a emissora superou a Band na média mensal.

De acordo com a coluna “Outro Canal”, do jornal Folha de São Paulo, a audiência mensal da RedeTV! no horário entre 18h e 0h ultrapassou a da Band na média do mês de outubro por apenas um décimo. A marca é inédita e, segundo os dados divulgados pelo jornal, a Rede TV! teria alcançado 3,5 pontos de audiência contra 3,4 pontos da Band, sempre no período entre 18h e 0h. Cada ponto cravado equivale a 57 mil televisões ligadas. No primeiro mês de 2009, na mesma faixa de horário, a RedeTV! marcou 2,8 e a Band, 3,7 pontos.

 

 Fonte: http://www.folhavitoria.com.br/