Arquivo da tag: macho

Lei de Murphy para os homens

Padrão

Presta a atenção numa lista de itens da Lei de Murphy sobre os homens:

1 – Os homens simpáticos são feios.
2 – Os homens bonitos não são simpáticos.
3 – Os homens bonitos e simpáticos são gays.
4 – Os homens bonitos, simpáticos e heterossexuais estão casados.
5 – Os homens que não são lá muito bonitos, mas são simpáticos, heterossexuais e que não estão casados, não têm dinheiro.
6 – Os homens que não são lá muito bonitos, mas são simpáticos, heterossexuais, não estão casados, mas têm dinheiro, pensam que andamos atrás deles pelo dinheiro.
7 – Os homens bonitos, simpáticos, heterossexuais, mas sem dinheiro, andam atrás do dinheiro da mulher.
8 – Os homens bonitos que não são lá muito simpáticos, mas são heterossexuais e não ligam para o dinheiro, acham que a mulher não é suficientemente bonita.
9 – Os homens bonitos, simpáticos, heterossexuais, não casados, com dinheiro e que acham que somos lindas, são covardes.
10 – Os homens ligeiramente bonitos, algo simpáticos, não casados, com algum dinheiro e, graças a Deus, heterossexuais, que nos acham lindas, são tímidos e nunca dão o primeiro passo.

Aí a gente pergunta: será que não há homens só um “tiquinho” perfeitos?

Acho que a gente pode concluir que “os homens são como vinho”: começam como uvas e é dever das mulheres pisá-los e mantê-los no escuro durante longos anos até se tornarem algo que vale a pena apresentar ao jantar.

Truques para chegar ao orgasmo

Padrão

Profissionais que entendem do assunto – do terapeuta sexual à ex-prostituta – dão dicas quentíssimas e infalíveis para melhorar sua vida sexual.
Palavra de especialista

O ginecologista e terapeuta sexual Amaury Mendes Júnior garante que, antes de tudo, é preciso convencer o corpo de que a excitação está erótica o suficiente para atingir o clímax. Anote as dicas:

Durante o sexo, engaje-se no clima
Fala o médico: “Tente se convencer sem preconceitos que o momento deve ser curtido e deixe a vergonha e a auto-observação de lado. Mexa o corpo em um ritmo sensual e cadenciado, grite palavras eróticas para que os problemas sejam colocados de fora do ambiente, diga em voz alta que está muito gostoso, que o pênis dele está muito grande, que a sua vagina está toda molhada, que está com muito tesão… Este clima de auto-indução pode acender muito o casal e produzir o que ambos mais querem: um grande orgasmo e cumplicidade”.

Truque prático
“Um recurso erótico que retarda e amplia o prazer consiste em pressionar de maneira alternada, com dois dedos, o períneo (região entre o ânus e o genital de ambos os sexos) durante a penetração. Este exercício é capaz de hiperdimensionar o orgasmo, pois provoca um fluxo sangüíneo de maior intensidade para os órgãos pélvicos e produz uma descarga orgástica maior.

Dicas de profissional

Ex-Bruna Surfistinha, Raquel Pacheco entende bem do assunto e caprichou nas dicas para a internauta. Confira o que ela diz:

Aposte no pompoarismo
“A técnica do pompoar, além de fortalecer os músculos vaginais e proporcionar prazer ao parceiro durante a relação sexual, ainda facilita (e muito!!) o orgasmo feminino”.

Conheça-se
“A masturbação feminina ainda não deixou de ser totalmente um tabu, mas sou totalmente a favor. É nos masturbando que descobrimos quais são os pontos exatos e os movimentos que nos dão prazer. Conhecendo isso bem, atingimos sem dificuldade o orgasmo na hora H”.

A responsabilidade também é deles
“Ter um parceiro sexual com bom desempenho e paciente facilita muito para atingir o orgasmo. Infelizmente, nem todos os homens têm paciência em esperar a mulher, assim como nem todos têm um bom desempenho sexual”.

Aquecimento
“O momento das preliminares é essencial para as mulheres, pois nós precisamos ser instigadas e nos sentirmos seguras na cama. Quando atingimos o orgasmo durante as preliminares, damos um grande passo para também chegar ao clímax com a penetração momentos depois”.

Deixa rolar
“Precisamos nos entregar completamente ao momento, deixando de lado os problemas, o pudor e nossas encanações com o próprio corpo. Temos que fazer jus à frase: “Relaxe e goze!”A ansiedade que muitas vezes temos para atingir o orgasmo também dificulta. O melhor que temos de fazer é desencanar, pois quando menos esperamos, o orgasmo acontece”.

O outro lado

O go-go boy B.S., 27 anos, conhecido como ‘O Capitão’ durante suas apresentações, sabe muito bem divertir as mulheres e entende tudo de preliminares.

Além do toque
“A sedução é um caminho delicioso para chegar ao orgasmo. Um olhar fatal, um encostar de pernas e pegar de jeito já deixa a mulher louca e prepara o corpo dela, que fica excitado, para o que vai vir”.

Solte a imaginação
“Fantasias sexuais são um bom artifício. Mas cuidado na hora de escolher qual vai ser a brincadeira e quais as regras do jogo. Um terceiro elemento, por exemplo, pode excitar uma parte do casal e enfurecer a outra. Para chegar ao orgasmo, os dois precisam estar em sincronia. Muito tesão no ar é importantíssimo”.
Assuma!
“Não tenha medo de falar que gosta de receber sexo oral. Se você tem um parceiro que tenha nojo ou que simplesmente não faça, só pode ter algo de errado com ele”.

Plano B
“Na hora do sexo, foque seu pensamento no prazer, aproveite ao máximo, seja insaciável. Caso o “boy” não seja aquelas coisas, apague a luz e solte a imaginação; sempre dá certo! Mas só não vai deixar o coitado perceber!”

O macho

Fernando Bonassi é escritor, roteirista e dramaturgo. Acaba de lançar o livro “As Melhores Vibrações” (Publifolha), uma seleção dos melhores textos dele para a coluna “Macho”, na Revista da Folha. E fecha as dicas com chave de ouro:

Com todos os sentidos
“Concentração. Observação. Atenção. Disponibilidade dos seis sentidos no ato. Ser generoso com carinho. Não ter vergonha. Sorrir. Gargalhar. Chorar se for o caso. Olho no olho. Quanto maior a curiosidade, maior o prazer”.

Agora vai lá e capricha!

O sexo que os homens adoram

Padrão

Ter relações sexuais com a mulher de costas é um verdadeiro deleite para alguns homens. A maioria simplesmente adora. Esta posição une a paixão que o sexo masculino tem pelas nádegas femininas e ainda é uma forma de eles exercitarem o poder.

Ter relações sexuais com a mulher de costas é um verdadeiro deleite para alguns homens. A maioria simplesmente adora. Esta posição une a paixão que o sexo masculino tem pelas nádegas femininas e ainda é uma forma de eles exercitarem o poder. O problema é que nem todas as mulheres gostam ou conseguem aproveitar muito.

Para a grande maioria, é, no mínimo, desconfortável ficar de costas, paralisada, e sem ver o rosto do parceiro. Já para os homens, é natural. Como diz o psicólogo Oswaldo M.Rodrigues Jr, do Instituto Paulista de Sexualidade, o homem é educado para comandar, ganhar e vencer. E ficar por cima é só uma conseqüência disso.

Despertando paixões

E não há como negar: ter uma relação sexual por trás dá aos homens a sensação de estar fazendo sexo anal. Isso provoca prazer e é um componente a mais de excitação. Principalmente porque, como lembra Rodrigues Jr., embora seja uma prática muito desejada por eles, é um tipo de relação ainda tabu.

Além disso, apesar da invasão dos seios siliconados, as nádegas continuam sendo a paixão nacional. E o simples fato de poder observá-las sem restrições é motivo de prazer. “Para muitos homens, as nádegas femininas são particularmente excitantes e eles podem gostar desta posição porque ela permite maior contato com esta região anatômica”, diz a sexóloga Sandra Baptista.

Ela ressalta ainda que é uma posição cômoda e sensual, embora possa não parecer tão terna e romântica como aquela em que o casal se beija e se olha. Talvez por esses motivos, algumas mulheres se mostrem um pouco reticentes quanto à prática. Por parecer própria do mundo animal.

Aliás, sob esse aspecto, o sexólogo Théo Lerner conta que, com a normatização dos comportamentos sexuais do ocidente, se buscou justificar a teoria da divindade do homem por meio de sua distinção dos animais. Assim, segundo ele, tudo que pudesse ser assemelhado aos bichos era tido como impuro, inadequado e bestial.

“Nesse contexto se incluía a posição da relação por trás. A única posição permitida, e assim mesmo apenas para cumprir os deveres reprodutivos do casal, era o clássico papai e mamãe ou posição missionária”, diz. Felizmente, graças às mudanças que vêm ocorrendo nas últimas décadas, o enfoque religioso em relação ao sexo tem perdido a força.

Vantagens da posição

Durante a gravidez, principalmente nos últimos meses, esta é uma das posições preferidas entre os casais. Especialmente pela questão do conforto e pela própria praticidade, não oferecendo riscos ou desconfortos para a mulher. Sem falar ainda que, conforme explica a sexóloga Sandra, ao se ter relações por trás, há uma estimulação adicional no clitóris.

Além de outras vantagens, como o fato de homem ficar com as mãos livres para explorar o corpo da mulher, provocando estímulos extras com carícias nos seios, nos ombros, nas nádegas e até mesmo na região vaginal. Além disso, há o prazer que a sensação do corpo do homem sobre o da mulher pode provocar.

“A pressão que o movimento da relação por trás produz na região abdominal da mulher é intenso e fantástico para muitas e é altamente erótico para o homem”, diz. Então, a melhor opção é deixar os preconceitos de lado, e experimentar o prazer.

Fonte:toquefeminino