Arquivo da tag: metabolismo

Chocolate: pequena quantidade, todos os dias, pode ajudar a emagrecer

Padrão

Você faz dieta e malha em dobro só para poder saborear um bombom após o almoço? Cientistas da Universidade da Califórnia, nos Estados Unidos, descobriram que, além de conter benefícios para a saúde, o chocolate pode auxiliar na perda de peso. No estudo, os voluntários que comeram pequenas porções de chocolate, regularmente, apresentaram Índice de Massa Corporal (IMC) menor.

Chocolate seria capaz de acelerar o metabolismo
Os pesquisadores acreditam que os ingredientes do chocolate acelerem o metabolismo, ajudando a queimar gordura corporal, o que compensaria as calorias extras ingeridas com o doce. O estudo analisou os hábitos alimentares de 972 homens e mulheres, com idades entre 20 e 85 anos. Em média, os voluntários afirmaram consumir chocolate duas vezes na semana. A média dos participantes apresentava IMC 28, que é considerado sobrepeso.

Nos resultados, publicados no periódico Archives of Internal Medicine, os voluntários que comiam chocolate com frequência eram também aqueles que, diariamente, ingeriam mais gorduras saturadas e calorias, mas eram, justamente, aqueles com menor IMC. Para os cientistas, a resposta para o impacto sobre o peso final está na composição das calorias do alimento e não apenas na quantidade que é ingerida.

Na dúvida, escolha o chocolate amargo
A pesquisa não apontou qual a quantidade ou o tipo de chocolate considerado ideal para perder peso, mas outros estudos revelaram que a versão amarga ainda é capaz de equilibrar os níveis de colesterol e a pressão sanguínea. Os cientistas recomendam a ingestão diária de pequenos pedaços de chocolate amargo, mas ressaltam a importância de não exagerar, já que 100g representam 520 calorias a mais no cardápio.

 

Anúncios

Os 10 piores alimentos para o corpo

Padrão
Nas épocas de festas, abusamos do nosso corpo, ingerindo alimentos cheios de toxinas.  os piores alimentos para o nosso organismo. Confira abaixo.
  • 1
    Refrigerante
    Se você beber um copo de refrigerante por dia estará ingerindo de 6 a 7 colheres de chá de açúcar. Muitos refrigerantes são repletos de aditivos, o que pode gerar inchaço, dores de cabeça, asma, hiperatividade e falta de concentração. Além disso, o refrigerante, seja a versão normal, zero ou light, não possui nutrientes como vitaminas e minerais de que o corpo precisa para o metabolismo funcionar.
  • 2
    Sal em excesso
    Uma das consequências do consumo excessivo do sal é a hipertensão, responsável pelo maior índice de infartos e acidentes vasculares cerebrais. Além disso, o sal retém líquido, deixando a pessoa inchada. O recomendado é ingerir no máximo 6g por dia, contando com o sal já adicionado à comida, como arroz e feijão.
  • 3
    Fast food
    Os fast food, como pizza, hambúrguer e comida chinesa delivery, têm excesso de calorias, gordura saturada, sódio e proteína. As refeições trazem gordura trans, que contribui  para  problemas cardíacos, e excesso de açúcar.

  • 4
    Açúcar em excesso
    Cuidado! O açúcar pode estar escondido em comidas que você nem imagina, como em um molho de frango, uma comida congelada ou um pote de iogurte. Quando você ingere todos os dias esse açúcar, força os seus órgãos a trabalhar mais. Primeiro, para digerir. Segundo, para normalizar a taxa de glicose no organismo. É assim que você acaba ficando diabético. Os sintomas do diabetes são sede excessiva, urina frequente, pele seca ou com coceira e fadiga extrema.
  • 5
    Pão branco
    O sabor do pão branco pode ser melhor do que o do integral, o pão branco é cheio de produtos químicos que fazem dobrar a quantidade de fermento em seu organismo. Isso pode causar infecções vaginais ou de outros tipos. Além disso, o pão branco causa inchaço, gases intestinais e problemas digestivos. Opte sempre pelo integral.
  • 6
    Carne processada
    A salsicha é um exemplo. Geralmente, essa carne processada tem até pelo do porco – da orelha, do focinho, da pálpebra ou do tecido conjuntivo. Ou seja, você nem sabe ao certo o que está comendo. Além disso, a carne processada leva água, amido, conservantes, gelatina e aditivos.
  • 7
    Salgadinhos
    Os salgadinhos e os petiscos de bar são fontes de gordura trans. Este tipo de gordura pode levar ao aumento de peso, entupimento de veias, pressão alta e até diabetes do tipo 2.
  • 8
    Chocolate
    Chocolates, doces e biscoitos têm alto teor de açúcar refinado e zero de nutrientes e vitaminas para o corpo. E ainda contêm enorme quantidade de calorias vazias. Se você comer uma barra de chocolate todos os dias, pode engordar cerca de 12 kg em um ano. E para queimar as calorias de uma barra de chocolate é preciso pedalar 45 minutos em uma bicicleta.
  • 9
    Bebida alcoólica
    O limite tolerável para as mulheres é de 14 doses por semana. Já para os homens é de 21. Uma caneca de chope pode conter a mesma quantidade de calorias de uma rosquinha doce. Se você tomar todos os dias um chope, pode engordar 6 kg em um ano.
  • 10
    Cafeína
    Café, refrigerante e bebidas energéticas contêm alto nível de cafeína, que é uma droga estimulante. Se você não estiver acostumado a ingerir cafeína em grande quantidade, sua pressão arterial pode subir, deixando você ansioso, inquieto e estressado.

Alimentos Desintoxicantes

Padrão

A desintoxicação consiste no processo de eliminação dos excessos e das toxinas acumuladas no organismo.

Essas toxinas são substâncias nocivas encontradas em aditivos, conservantes, corantes, adoçantes ou mesmo na poluição. Se por um lado, a alimentação pode causar intoxicação, por outro lado, existem alimentos como frutas e grãos, que ajudam a desintoxicar o organismo de forma natural e saudável.

Veja alguns exemplos de alimentos que auxiliam na desintoxicação:

Arroz integral

Rico em fibras, o arroz integral faz o intestino funcionar melhor e favorece a eliminação de toxinas, mantendo a pele saudável.

Maçã

A maçã é rica em fibras, ãque funcionam como esponja dentro das artérias limpando o sangue do colesterol. É recomendada nas afecções de estômago, bexiga e rins. Antiácidas, ativam o fígado e dissolvem o ácido úrico, que retém líquidos no organismo.

Gengibre

O gengibre estimula a digestão, alivia a constipação intestinal e ativa o metabolismo. Contém quantidades pequenas de vitamina C, cálcio, potássio, ferro, fósforo e magnésio. É rico em fibras e é usado como um alimento digestivo e refrescante.

Laranja

A laranja tem ação desintoxicante e auxilia o funcionamento intestinal, principalmente quando ingerida com o bagaço.

Hortelã

A hortelã é uma erva rica em vitaminas A,B e C, minerais (cálcio, fósforo, ferro e potássio), que exercem ação tônica e estimulante sobre o aparelho digestivo.