Arquivo da tag: relação

Homem x mulher

Padrão

10 COISAS QUE ELAS ODEIAM NELES

A tábua do vaso levantada e a toalha molhada na cama.
A turma do santo futebol.
Tomar chá de sumiço para não precisar terminar a relação.
A total incapacidade de pedir informação quando se perdem.
Baixaria na cantada.
Quando faz pouco dela na frente dos outros.
Quando a despe com o olhar só enxergando a malvada da carne.
O olho comprido na amiga belíssima.
Não admite seus erros quando não credita na conta dela.
O monopólio do controle remoto.

10 COISAS QUE ELES ODEIAM NELAS

A falta de intimidade com os manuais de eletrodomésticos.
Confundir pileque com excitação depois de duas taças de Prosecco.
A facilidade com que mudam de idéia.
O “fico pronta num instante” que leva duas horas.
A mania de dar palpite em cada mínimo detalhe da sua vida.
O monopólio do espaço, desde o armário até a bancada do banheiro.
Querer discutir relação madrugada adentro.
A indefectível pergunta “este vestido me engorda?”, nunca esperando uma resposta sincera.
Estar sempre aquém do imaginário dela, que exige um príncipe encantado.
“Hoje não pode, estou menstruada”.

Fonte:universofeminino

Sex Shop em casa

Padrão

Que sex shop que nada! Sem passar perto das butiques eróticas e sem gastar nenhum tostão podemos transformar objetos do nosso dia-a-dia em interessantes apetrechos sexuais. Basta liberar a imaginação e dar uma boa olhada em volta. Vejamos: aquele espelho, hem? Pode render um bom ângulo. E a vela com aroma de frutas que você ganhou da tia-avó? Ela não imaginava, mas pode-se criar uma iluminação pra lá de especial para os momentos íntimos. E as luzes de Natal? Até elas ajudam na produção de uma noite inesquecível de prazer. Leia as dicas de pessoas comuns e também de sexólogos e professores de arte sensuais e comece hoje mesmo. A sua casa nunca mais será a mesma. Nem você.

1. Lenços: “Lenços de seda ou de outro tecido bem macio servem para amarrar os braços do parceiro. Preso, ele será um campo de experiências maravilhosas. Toque-o com a língua na coxa, depois no pescoço, braços, púbis e… vá alternando os toques que deverão ser rápidos. Evite que seu corpo encoste no dele, tente tocá-lo apenas com a língua. Faça isso por cerca de 15 minutos e, a seguir, você poderá ‘conceder’ toques mais longos e íntimos”, sugere professora de artes sensuais Regina Racco.

2. Espelho do armário: “Meu namorado adora que eu faça um strip-tease pra ele com a porta do armário aberto, onde tem o espelho de corpo inteiro. É bom porque ele sempre tem visão frente e verso do meu corpo”, ensina a professora de inglês Priscila M., de 28 anos.

3. Creme hidratante: “Faça uma massagem sensual no parceiro usando um creme hidratante perfumado, desse que todo mundo tem em casa. A criatividade, desde que não agrida a nenhum dos dois, é bem-vinda e traz cumplicidade para a relação”, sugere a sexóloga Glene Faria.

4. Escova: “Se não for muito dura, pegue a escova de cabelo no armário do banheiro e massageie, principalmente, costas, braços e pernas dele. Uma escova de dentes macia ou de bebê pode servir para massagear entre os dedos do pé e da mão, atrás da orelha, na virilha e em torno do pênis”, dá a dica a professora de artes sensuais Regina Racco.

5. Echarpe: “Você pode estar nua ou com uma bela lingerie e se enrolar numa echarpe, de tamanho grande. Depois de tirá-la de modo bem sensual, pode passá-la ao redor do pescoço de seu amado, puxá-lo para você, dominando-o. Poderá vendar os olhos do amado com ela e brincar com o corpo dele, usando suas mãos, procurando despertar-lhe novas e deliciosas sensações”, sugere a personal sex-trainer da PinkChik, Ellen Louise.

6. Ventilador: “Gosto de me exibir para o meu namorado na frente do ventilador. O cabelo fica com um ar selvagem, de capa de revista. Além disso, depois que o sexo começa, o ventinho pelo nosso corpo nu ajuda a intensificar o desejo”, conta a designer Vera L., 26.

7. Sair da cama: “Para espantar a rotina, o casal pode optar por transar sobre diferentes móveis da casa, como em uma cadeira ou em cima da mesa da sala”, opina a sexóloga Glene Faria.

8. Barrinha de chocolate: “Todo mundo tem em casa e serve para massagens íntimas. Utilize com moderação, porque engorda”, brinca Regina Racco.

9. Cinto: “Uma vez, meu marido prendeu meus braços para trás usando o próprio cinto que eu estava usando. Foi uma loucura e ele pôde fazer o que quis comigo. Quando ele me soltou, brinquei de bater nele com o cinto. Aí começamos uma nova fantasia”, revela a musicista Márcia B., 33.

10. Talco: “Em vez de óleos ou cremes, experimente fazer uma massagem com talco, porque ele proporciona sensações diferentes. Não tem em casa? Então, use a minha receitinha do talco sedução: pegue quatro colheres de amido de milho (maisena) e misture com duas colheres de canela em pó. Guarde em uma caixinha. Utilize esse talco na massagem sensual. Mas prepare-se porque esse talquinho é explosivo. A canela é afrodisíaca e por certo a noite será longa”, afirma a professora de artes sensuais Regina Racco.

11. Gravata: “Pegue uma gravata e vende os olhos dele. Dessa forma, ele terá que aguçar outros sentidos além da visão durante a relação sexual. Você pode usar também um cachecol para tapar os olhos dele”, indica a sexóloga Glene faria.

12. Cubos de gelo: “Em uma noite quente, use gelo para massagear em torno dos mamilos. Coloque na boca e comece o sexo oral. Em seguida, beije-o”, sugere Regina Racco.

13. Luzes de Natal: “Todo ano, antes de guardar no alto do armário os enfeites de Natal, coloco as lâmpadas coloridas ao redor da cama. Com tudo apagado e só elas piscando, fica um clima super legal – meio de motel, meio de Hollywood. Adoro!!!”, sugere a musicista Liliane P., 30 anos.
14. Mel ou leite condensado: “É importante valorizar os órgãos dos sentidos na brincadeira a dois. Para estimular o paladar, mel e leite condensado são boas pedidas”, dá a dica a sexóloga Glene Faria

15. Pétalas de rosas: “Quando meu marido me dá flores, coloco no vaso e espero os dias passarem. Quando elas estão murchas, em vez de jogar fora, retiro pétala por pétala – elas são muito preciosas. Tem vezes em que tomamos banho com elas, porque dizem que atiça a paixão. Noutras vezes, faço um caminho de pétalas até a cama e jogo o resto sobre os lençóis. É bom variar, né?”, diz a vendedora Neide S., 31.

10 respostas sobre amores proibidos

Padrão

Roubar o marido da irmã, ter um caso com o chefe… Descubra o que fazer quando seu desejo é quase impossível de ser realizado.

Meu marido está dando em cima da minha irmã. O que faço?

 Se você acha que está sendo traída mas não tem certeza, controle a emoção e converse com seu marido. Diga que vem percebendo o interesse dele por sua irmã e deixe-o se explicar. Se ele negar, diga que acredita nele, mas que, se ele continuar “rodeando” a sua irmã, você perderá a confiança nele.

Tive um caso com meu cunhado, mas terminamos sem ninguém ficar sabendo. O problema é que, agora, não suporto mais vê-lo com minha irmã. O que devo fazer?

 Nem pense em contar tudo à sua irmã! O momento de ser sincera já passou. Agora, só resta deixá-los em paz. Lembre-se de que você escolheu viver essa relação. Invente desculpas para não participar dos encontros familiares até se sentir mais tranquila com a situação.

Estou apaixonada por meu cunhado e acho que sou correspondida. Devemos contar à família?

 Reflita sobre seu sentimento: será que não é apenas uma paixão fantasiosa e passageira? Se for amor, converse com seu cunhado para ter certeza de que seu sentimento é correspondido. Se vocês decidirem assumir a relação, ambos devem abrir o jogo para os companheiros. Mas estejam preparados para ouvir muitas críticas e sentir a mágoa dos familiares.

Conto ao meu marido que o irmão dele anda se engraçando para cima de mim?

 Converse antes com seu cunhado, para não criar uma confusão em família. Diga que percebeu as investidas dele e que está se sentindo incomodada. Termine a conversa deixando claro que, se ele não parar com a paquera, você contará ao irmão dele. Se não funcionar, aí, sim, fale com seu marido.

Sinto-me atraída pelo meu professor, mas ele é casado. Devo me declarar?

 De jeito nenhum! Essa atração é comum porque o professor é uma pessoa que admiramos. Mas não confunda as coisas. O fato de ele ser casado piora a situação. Pare de fantasiar!

Meu professor mulherengo diz que me ama. O que faço?

 Se você sabe que ele é mulherengo, por que vai cair nessa conversa mole? “Não fique cega por uma fantasia. Reflita se vale a pena prosseguir em algo que não vai dar certo, e se essa é uma relação adequada”, sugere a psicóloga Renata Lommez, de Belo Horizonte.

Sou divorciada, e o professor do meu filho vive arranjando pretextos para me ver. Se me envolver, vou prejudicar meu filho na escola?

 Se você está interessada, aja naturalmente, sem mentir para seu filho. Afinal, você não está fazendo nada de errado. Mas não esqueça de separar as coisas: é importante que, no ambiente escolar, a relação seja apenas entre mãe e professor.

Eu e meu chefe temos um caso, mas quero terminar. Posso ser demitida?

 Mantenha a relação até encontrar outro emprego ou converse com ele fora do trabalho. Se ele chantagear você e quiser demiti-la, procure apoio jurídico. “Se você for demitida, aprenda com seus erros e saiba detectar uma fria da próxima vez”, diz a psicóloga Suzy Camacho, de São Paulo.

Meu chefe e eu trocamos olhares, mas somos casados. Podemos namorar?

 Pense muito bem antes de tomar essa decisão. Lembre-se de que, no futuro, se a relação acabar, você pode perder o emprego e o marido – e arrumar uma confusão com a esposa dele!

O chefe do meu marido está dando em cima de mim. O que devo fazer?

 Se você não corresponder, um dia ele vai desistir. Se isso não acontecer e seu marido for “esquentado”, não diga nada. Porém, se ele for compreensivo, diga que não se sente bem na companhia do chefe dele e gostaria que ele ficasse perto de você.

 

 Fonte: http://mdemulher.abril.com.br

Garanta uma transa inesquecível

Padrão

9h – Capriche no café-da-manhã

Comece o dia atiçando a libido com um café-da-manhã afrodisíaco.
Um estudo americano provou que o café aumenta o desejo sexual – pelo menos das ratinhas. Pois é, observou-se que cobaias injetadas com cafeína procuravam mais rapidamente a companhia masculina do que as “descafeinadas”. Portanto, aproveite! Também coma banana. A fruta é rica em vitaminas do complexo B, necessárias para a produção de hormônios sexuais, e em potássio, mineral excelente para os músculos (afinal, você não quer ter cãibra bem na hora H, né?).

10h – Faça exercícios

Sexo, como muitas outras atividades físicas, exige capacidades como força, resistência, flexibilidade e condicionamento cardiorrespiratório.
Ganhe resistência com exercícios que também liberam endorfina. Neurotransmissor capaz de aumentar a predisposição sexual, ela também dá um gás na produção de estrogênio das mulheres, auxiliando na lubrificação da vagina. Vale uma caminhada em ritmo acelerado, uma volta de bicicleta ou mesmo dançar. O importante é exercitar-se por, pelo menos, meia hora. Em seguida, passe mais 15 minutinhos alongando. Lembre-se: uma boa flexibilidade favorece muitas posições sexuais. Malhação concluída, tome uma vitamina de abacate. A combinação de vitamina E, magnésio, zinco e potássio aumenta a libido e também a potência sexual.

11h – Banho poderoso

Durante o banho, fique limpa e cheirosa com sabonete de jasmim.
A fragrância potencializa a sensualidade. Para completar, massageie o corpo com óleo de sândalo, o aroma mais atraente de todos os óleos essenciais. E, já que está com a sexualidade aguçada, que tal brincar debaixo do chuveiro e experimentar o primeiro (de muitos) orgasmo do dia?

12h – Escolha a cor da sua roupa

Mesmo que ainda não esteja vestida para o grande encontro, invista num visual contendo uma das seguintes cores:
Laranja, vermelho ou rosa. A primeira, de acordo com a cromoterapia, é símbolo da alegria, elimina medos e inibições e aumenta a criatividade.
Vermelho, por sua vez, melhora a autoconfiança, ajuda a superar a depressão, estimula a coragem, a força física, o vigor, a vitalidade e a segurança, além de ser um tom estimulante e excitante.
O rosa, por fim, inspira o amor, a compaixão, a beleza, melhora os relacionamentos afetivos e acelera a eliminação das impurezas do sangue.

13h30 – Comidas especiais

Hora do almoço? Faça comidinhas com alcachofras, mel, aspargos e gengibre. Além de seu formato fálico, o aspargo contém vitamina B3, ajudando a promover a dilatação dos vasos sanguíneos, inclusive da região genital. A mesma vitamina também está presente na alcachofra! O gengibre, por sua vez, é considerado afrodisíaco por causa de seu aroma e por estimular o sistema circulatório. Já o mel é rico em vitaminas do complexo B, necessárias para a produção de testosterona, e em boro, capaz de auxiliar o corpo a metabolizar o estrogênio. Use os ingredientes em salada ou num risoto bem gostoso e aromatizado.

15h – Relaxamento e inspiração

Hora de relaxar e inspirar-se com um filme sensual.
Dessa forma, você se entretém e ainda se inspira para mais tarde. Que tal tramas beeem picantes? Algumas sugestões:
>> O Último Tango em Paris (1972), de Bernardo Bertolucci
>> Henry e June (1990), de Philipe Kauffman
>> Calígula (1979), de Tinto Brass

17h – Exercícios sexuais

Já ouviu falar em kundalini ioga?
A técnica prepara o corpo para o sexo tântrico. Na kundalini, durante o sexo, os parceiros devem conseguir controlar sua energia sexual, levando-a da coluna até o coração. A prática auxilia em tal objetivo. Os exercícios são fáceis e bastantes sensuais, ótimos para já deixá-la no clima! Aprenda a fazê-los:
1. Sentada, estique as pernas para frente e mantenha a coluna ereta. Com as mãos apoiadas no chão e ao lado dos quadris, impulsione o corpo para cima. Repita o movimento por um minuto.
2. Sentada com as pernas dobradas de modo que seus pés fiquem na região genital, empurre a coluna (área próxima aos quadris) para frente e para trás, durante dois minutos.
3. Ajoelhe-se e jogue o corpo para trás, segurando os tornozelos com as mãos. Empurre a pélvis para frente, o máximo que conseguir, e permaneça nessa posição por um minuto.
4. Apóie no chão somente suas mãos e joelhos, com braços e coxas paralelos. Empurre as costas para trás, jogando a cabeça para baixo – sem remover mãos ou joelhos do chão. Depois, inspire o ar impulsionando as costas para baixo e trazendo a cabeça de volta para o alto. Repita 108 vezes (número místico da ioga).

17h30 – Banho afrodisíaco

Hora de outro banho regado a aromas afrodisíacos.
A noite se aproxima! Aposte em uma loção para o corpo com alcaçuz. Uma pesquisa realizada pelo Smell and Taste Treatment and Research Foudation (algo como “Fundação de pesquisa e tratamento de odores e sabores”), em Chicago (EUA), descobriu que o aroma dessa planta aumenta em 13% o fluxo sanguíneo para o pênis dos homens que sentem o cheiro desse perfume!

18h – Produção matadora

Ao escolher a roupa, lembre-se da dica do laranja, vermelho ou rosa.
Não precisa ser uma peça inteira, basta um acessório. Evite a cor marrom. Pesquisas mostram que os homens, quando em um encontro afetivo, associam esse tom a uma mulher conservadora e entediante. E quanto às bijus, cuidado: no calor do momento, uma pulseira com muitos pingentes pode se transformar em arma! Ao escolher a lingerie, evite aquelas cheias de laços, voltas, fechos. É complicado demais tirá-las na hora H. Cuidados básicos como depilação e pés bem cuidados são óbvios, né?

20h – Jantar levinho

Esqueça comidas pesadas para o jantar.
Opte por uma refeição leve, à base de proteínas marinhas, como peixes e frutos do mar, e uma saladinha. Vinho ou espumante, bebidas historicamente sensuais, são boas companhias. E mais: segundo pesquisa do Instituto Nacional de Saúde Pública de Helsinki, na Finlândia, um pouco de álcool pode aumentar a concentração de testosterona na corrente sanguínea e levar a um aumento da libido. Só não exagere na dose! Exagere na sobremesa. Esbalde-se com chocolate. Pesquisadores do Instituto de San Diego, na Califórnia (EUA), descobriram que o alimento tem anandamina, neurotransmissor ligado a receptores no cérebro com capacidade de causar euforia e relaxamento.

21h – Hora do amor

Chegou a hora. Agora é com você!
Os dois já estão em ponto de bala. Então, você já pode apimentar a transa. Tenha em mãos um óleo de massagem comestível, comprado em sex shops, e capriche nos carinhos corporais. Joguinhos eróticos, como o de vendar os olhos, só tornam o sexo mais gostoso, emocionante e diferente. Se confiar no parceiro e se sentir segura, entregue-se ao sexo sem tabus e… divirta-se!

Novo manual do sexo no casamento

Padrão

Se após tanto tempo de convivência você já não sente aquele friozinho na barriga quando transa com seu companheiro, saiba que não é a única. Para a maioria das mulheres casadas há vários anos, uma noite deliciosa se resume a vestir um pijama confortável, deitar esparramada na cama e… assistir à novela!

Infelizmente, o dia-a-dia pode diminuir o interesse pelo sexo?, diz o terapeuta sexual Celso Marzano. ?A falta de privacidade, o excesso de preocupações e a baixa auto-estima são as principais causas da queda do desejo.?

Talvez você nem se lembre disso, mas sexo é muito bom e saudável. ?Ele aproxima o casal, aumenta a cumplicidade e fortalece a relação?, explica Marzano. Mas para que o desejo permaneça em alta numa relação longa, é preciso cultivá-lo sempre. No mundo da ficção, um exemplo de sucesso na cama é Maria Eva, de Duas Caras.

Casada há duas décadas, a personagem interpretada pela atriz Letícia Spiller vive encontrando maneiras diferentes de apimentar o sexo. Na vida real, você não precisa se matricular num curso de dança do poste para seduzir seu marido. Basta investir em algumas atitudes simples para acender o erotismo.

1. ESTOURE A PIPOCA
Aposte nos filmes eróticos: eles vão esquentar a sua noite e estimular a imaginação. Se você tem vergonha de alugar, peça pela internet! Quer apenas algumas cenas picantes? Escolha algum desses filmes: Ata-me!, Em Carne Viva e Mata-me de Prazer. Quer algo mais forte? A Secretária, Uma Relação Pornográfica ou Monella, a Travessa.

2. PRISIONEIROS
Experimente transar de mãos amarradas.

3. BABA, BABY!
Segundo pesquisa publicada no livro Sexo no Casamento, da americana Pamela Lister (ed. Gente), as lingeries que mais excitam os homens são as seguintes:
. Bustiê e cinta-liga pretos
. Sutiã e tanguinha de renda vermelha
. Short-doll de seda
. Camiseta colada e cueca samba-canção, de malha

4. ESQUENTA, ESFRIA!
Brinquem com a temperatura: antes de fazer sexo oral, tome uma xícara de chá quente ou chupe um sorvete.

5. DELÍCIA DE INSÔNIA
No meio da madrugada, não tenha dó: acorde o maridão usando somente a sua língua. Comece a chupá-lo antes mesmo da ereção. Quando ele se der conta do que está acontecendo, acordará rapidinho ? mesmo cansado!

6. DE OLHO ESPELHO
Observar-se durante o sexo excita.

7. SHOW PRIVÊ
Masturbe-se na frente dele. Os homens enlouquecem diante dessa ousadia explícita. A brincadeira é ótima porque dá prazer para as duas partes. Para ele, será como assistir a um filme pornô ? com a vantagem de poder transar depois com a atriz. E você, além de saber que está sendo desejada, pode aproveitar para ter uma bela preliminar.

8. OLHOS BEM FECHADOS
Uma venda deixará os outros sentidos mais apurados, principalmente o tato.

9. ÁGUA NA BOCA
Escolha géis comestíveis de vários sabores: chocolate, morango, framboesa. Espalhe pelo seu corpo: nos seios, no pescoço, atrás das orelhas, entre as coxas… O desafio dele será lamber você inteira e descobrir os sabores escolhidos. Se preferir, use calda de chocolate ou chantili.

10. CORRENDO PERIGO
Deixe a janela aberta na hora de transar e imagine que todos os vizinhos estão espiando.

 

11. ESFREGA-ESFREGA
Use os seios para massagear a pele do seu companheiro e, ao mesmo tempo, provocá-lo. Percorra todo o corpo dele tocando-o apenas com os mamilos, suavemente, ou com os seios inteiros, fazendo mais pressão. Introduza um ou ambos os mamilos em todas as cavidades que encontrar: orelhas, boca, umbigo, entre as coxas e nas partes genitais.

12. MUDANÇA DE HORÁRIO
Num dia, faça amor de manhã, no outro à tarde…

LEIA CONTOS ERÓTICOS
As histórias picantes vão estimular sua imaginação. Ficou curiosa? Acesse os sites:
www.dicasdesexo.com.br/contos
www.contosfemininos.com.br
www.contossensuais.blogger.com.br

VISITE UMA SEX SHOP
Se você anda desanimada e sem disposição para uma noite ardente, esse programa será um ótimo estimulante! Se você é tímida, nada de desculpas: compre o que quiser pela internet mesmo. Normalmente, a loja entrega os produtos na sua casa:
www.sextoy.com.br
www.kamasutra.com.br
www.erosmania.com.br

PENSE NUM FAMOSO
Por que não? As fantasias sexuais ajudam a escapar da realidade e do tédio. De quebra, você transa com mais tesão! Não se culpe – isso não é traição. Aliás, todo mundo pratica um ?adultério mental? de vez em quando, mas não comenta nada com ninguém.
SEDUZA NO SUPERMERCADO

Vai às compras? Então capriche na produção. Use um vestido sedutor o suficiente para chamar a atenção dos homens, mas não revelador demais. O importante é atrair olhares, para sentir-se admirada. À noite você estará toda poderosa!

APELE PARA AS VELAS
Capriche no seu ninho de amor. Adote velas de cores quentes, como laranja, vermelho ou rosa, para deixar um clima supersensual no ambiente.

INCENSOS AFRODISÍACOS
Os de cravo, dama-da-noite ou ilangue-ilangue atiçam a energia sexual. De quebra, você garante um cheiro gostoso em casa.

PÉTALAS DE ROSAS VERMELHAS
Jogue-as em cima da cama. Peça um bocado delas numa floricultura – pode até sair de graça. O resultado é ao mesmo tempo sensual e romântico.

SINAIS ERÓTICOS
Deixe que ele perceba suas ?más intenções?. Pegue uma calcinha ou camisinha, embrulhe num papel de presente e entregue no café-da-manhã.

ESCRAVO E ESCRAVA
Brinquem de faça-tudo-que-seu-mestre-mandar: um de cada vez deve obedecer todos os desejos do outro. 

Não cometa estes pecados:

EXAGERAR NA INTIMIDADE
Nunca deixe seu marido presenciar seus momentos íntimos: usar o banheiro, cortar as unhas…

CHAMÁ-LO POR APELIDOS
São carinhosos, mas destroem o tesão. Pai, mãe, minha velha, meu velho, filho e filha são verdadeiros banhos de água fria!

ABANDONAR A VAIDADE
Se seu marido encontra você mal-arrumada sempre que volta para casa, o desejo fatalmente diminui. Olhe-se no espelho e pense: ?Você se arrumaria assim para se encontrar com um amante??

 

 Fonte: http://mdemulher.abril.com.br/

O que os sonhos eróticos querem dizer?

Padrão

 

Até mesmo mulheres mais liberais acordam com a pulga atrás da orelha quando despertam de um sonho erótico. Para garantir a você um sonho tranqüilo, leia como interpretar as mensagens de seu inconsciente.

Que uma coisa fique bem clara: nem sempre o que sonhamos corresponde exatamente ao que a nossa mente está tentando nos dizer. “As imagens de um sonho não podem ser interpretadas de forma alguma ao pé da letra. Na maioria das vezes é mais importante prestar atenção no cenário do que no ato sexual que está se desenvolvendo na hora de interpretar”, declara Oswaldo Rodrigues Júnior, Diretor da Associação Mundial de Sexologia (WAS – World Association for Sexology).

 

Os sonhos são a forma como o inconsciente entra em contato conosco e esse diálogo é praticamente todo feito através de imagens simbólicas, metáforas. “Não dá pra dizer, por exemplo, que se você sonhou com uma cobra isso quer dizer que alguém está te traindo. Se a pessoa é do interior, sonhar com uma cobra pode indicar um perigo. Se ela é um médico, a cobra é um dos símbolos da profissão. A pessoa precisa tentar relacionar os aspectos do sonho com o seu dia-a-dia para tirar uma interpretação correta”, declara Fátima Regina Riani Costa, conselheira do Conselho Regional de Psicologia de São Paulo. 

 

Logo, não é porque você está sonhando com sexo que está acontecendo algum problema na área. “É até comum que uma pessoa com problemas sexuais não sonhe com sexo como forma de proteção, já que ela passa a maior parte do tempo acordada preocupada com isso. É preciso ver o que está acontecendo com você. Por exemplo, se você tem sonhos eróticos e há alguém doente em sua família, para você a idéia de sexo está ligada à vida. Logo, você está pensando em vida, em saúde para a pessoa enferma”, explica Rodrigues.

A maior parte das pessoas acaba se fixando no aspecto erótico do sonho, mas ele só tem conotação sexual se você realmente estiver focado nesse aspecto de seu cotidiano naquele momento específico de sua vida. Por exemplo, se você sonha que está fazendo sexo com o seu chefe, está muito satisfeita e ele te paga, isso pode querer significar que você quer ter condições melhores em seu ambiente de trabalho”, diz Rodrigus. Nem mesmo sonhos recorrentes com sexo querem dizer sempre a mesma coisa. “Mesmo que você tenha o mesmo sonho diversas vezes, você deve analisar o que está acontecendo com você naquele momento exato

 

 

Outra dúvida que sempre aparece é em relação ao parceiro do sonho. Será que você tem alguma atração por ele? Segundo Rodrigues, o inconsciente seleciona elementos em sua mente para “montar” o cenário de seu sonho de forma randômica: “Se você sonhou que estava fazendo sexo com a sua irmã isso não afirma que você tem atração por ela. Para colocar um parceiro no sonho, o inconsciente pode até mesmo selecionar alguém que você viu rapidamente na rua e nem se lembra. De repente o sonho quer dizer alguma coisa sobre uma amiga ou amigo próximo”.

“O sonho faz uma condensação simbólica, ele mescla elementos para representar várias ou uma única pessoa. Você pode sonhar que está discutindo com alguém, mas na verdade o que o sonho está querendo apresentar são as suas várias facetas em um debate”, diz Fátima.

Dicas para interpretar o sonho

Ter um caderninho na mesa de cabeceira pode ser um bom método de lembrar o que você sonhou. “O hábito de anotar os sonhos pode ajudar na hora de relacioná-los ao que está acontecendo na sua semana”, lembra Rodrigues.

Contar para alguém o sonho pode ajudar a lembrar de partes que ficaram esquecidas ou perceber detalhes. “Quando você conta um sonho você fixa a história e a elabora”, aconselha Fátima.

Mas cuidado! Nada de contar para o escritório inteiro que você sonhou com o chefe. “Contar um sonho erótico, além de expor muito a pessoa, pode causar situações constrangedoras. Melhor dividir o sonho com alguém de confiança”, alerta a psicóloga.

Se você for muito próximo do parceiro no sonho, contar para ele o que aconteceu pode ajudar a interpretar as mensagens e até mesmo resolver questões. “Se você teve uma discussão com a pessoa ou um assunto mal resolvido com ela, contar o sonho pode ser uma boa forma de retomar a discussão”, completa Fátima.

Finalmente, tente isolar os elementos sexuais do sonho. Como você se sentiu? Você teve essa mesma sensação nos últimos tempos? Onde você estava? Você reconhece algum móvel, algum elemento do cenário? “O sonho muitas vezes é um reflexo de situações que não receberam atenção e que não necessariamente estão relacionados com sexo”, diz Rodrigues. Tente analisar os elementos secundários do sonho, mas não se sinta pressionado por ele. “Não fique aflito, só o fato de sonhar já ajuda a regular a mente, elaborar as emoções”, lembra Fátima. Bons sonhos! 

 Fonte: http://delas.ig.com.br

nsagem”, completa o diretor da WAS.

Cobrança sexual: Outras causas

Padrão

O sexólogo Celso Marzano, diretor do Centro de Orientação e Desenvolvimento da Sexualidade (CEDES) e do Instituto Brasileiro Interdisciplinar de Sexologia e Medicina Psicossomática (ISEXP-SP), cita, além da rotina no relacionamento, os problemas cotidianos como inimigos do prazer. “O dia-a-dia conspira contra o sexo, pois conciliar a família, os amigos, o trabalho e os nossos interesses pessoais é muito difícil. Adicionamos ainda a todo esse estresse a situação financeira instável, outras questões que afetam nosso controle emocional e o envelhecimento inevitável do nosso corpo. Por tudo isso, em algum momento acabamos apresentando algum tipo de disfunção sexual, de maior ou menor grau”, define.

Algumas pessoas vêem a vontade de fazer sexo diminuída por motivos que afetam o interesse físico no parceiro, o equilíbrio psicológico ou doenças que as debilitam. A falta de higiene pessoal, a obesidade, o alcoolismo, a estafa física, a depressão, a baixa auto-estima, possíveis incômodos e o uso de medicamentos, como alguns calmantes, antidepressivos e anti-hipertensivos, podem prejudicar a libido. As próprias alterações hormonais, principalmente aquelas ocorridas na menopausa, ou mesmo na tensão pré-menstrual, às vezes dificultam a resposta sexual. “Também há pessoas que são condicionadas a só se sentirem atraídas por corpos jovens e perdem o interesse quando o cônjuge envelhece, da mesma forma que alguns homens deixam de sentir desejo por mulheres que se tornaram mães de seus filhos”, comenta Ana Maria Zampieri, que acrescenta que os cuidados com o corpo, sem exageros, e a auto-estima são fundamentais para resgatar o prazer no sexo.

Elas hoje querem parceiros mais receptivos, que não utilizem seu poder para fazê-las submissas, e reclamam que o homem brasileiro ainda é muito ‘machão’. Mas elas próprias, ao serem mães, favorecem a formação de homens machistas

A falta de orgasmo durante a relação sexual e, também, a obsessão em atingi-lo são outros fatores que desestimulam as mulheres. Segundo o ginecologista Eliano Pellini, isso pode causar mal-estar e dores na região pélvica. “A congestão de sangue nos órgãos sexuais femininos fica retida quando a mulher passa muito tempo sem alcançar o orgasmo, o que geralmente leva ao que chamamos de dor pélvica crônica”, esclarece o médico. Outro problema surge quando a mulher não é estimulada corretamente e não se excita a ponto de ficar lubrificada. Sem esta preparação preliminar, que deve ser provocada pelo homem, o ato sexual torna-se doloroso e pode causar vaginismo (contração muscular involuntária que impede a penetração), fissuras, infecções e corrimentos que somente irão piorar e prolongar o desconforto nas próximas relações – um ciclo que elimina o prazer sexual. É bom lembrar que quantidade não traduz qualidade.

A “obrigação sexual” é ainda mais intensa quando o parceiro que exige sexo mesmo que o cônjuge não esteja com vontade. “Para resolver este impasse, o primeiro passo é o diálogo, pois esta postura exigente só leva a maiores desgastes e afastamentos”, alerta o sexólogo Celso Marzano. Eliano Pellini e Ana Maria Zampieri afirmam que muitas mulheres não têm prazer porque seus maridos e elas mesmas não receberam educação para o prazer. “Deve-se saber dizer não quando não se quer, e, claro, explicar o porquê. Não faz sentido se submeter a verdadeiros estupros na cama conjugal. Isso é violência legitimada pela cultura machista”, adverte a psicóloga. Para o ginecologista, muitas disfunções sexuais como esta seriam sanadas se houvesse uma reforma global na educação das crianças, por exemplo. “Elas hoje querem parceiros mais receptivos, que não utilizem seu poder para fazê-las submissas, e reclamam que o homem brasileiro ainda é muito ‘machão’. Mas elas próprias, ao serem mães, favorecem a formação de homens machistas e meninas que crescem achando que devem servi-los”, atesta Eliano Pellini.

Fonte:bolsademulher