Arquivo da tag: casal

Orgasmo inusitado: sonho, beijo e até o toque nos seios podem levar a ele

Padrão

Nem só de penetração vive o orgasmo. E tem explicação científica para isso. “Tudo que é mucosa tem terminação nervosa: na vagina, no ânus, na glande do pênis e na boca. E todo lugar com terminação nervosa tem potencial para ser estimulado a ponto de provocar o orgasmo”, fala o ginecologista e terapeuta sexual Dr. Amaury Mendes Júnior “O clitóris centraliza mais, porque é o único órgão do corpo humano completamente voltado para o prazer”, complementa.

Não é à toa que, no início da vida sexual, ainda sem provar do ato propriamente dito, uma adolescente pode alcançar o prazer máximo apenas com o beijo. É o que acontece quando o clima começa a esquentar e os corpos são friccionados, um no outro.“A propósito, a boca tem o mesmo número de terminações nervosas encontradas na vagina”, acrescenta o especialista.

Para a mulher, a coisa é menos complicada ainda, nesse sentido. “A mulher tem uma capacidade muito maior de se envolver com a fantasia, com as sensações. O homem centraliza todo o prazer no uso do pênis”, analisa. Abaixo, quatro maneiras inusitadas de alcançar o orgasmo:

  • 1
    Pelo toque nos seios
    Segundo pesquisa divulgada pelo Journal of Sexual Medicine, a estimulação do mamilo ativa uma área do cérebro conhecida como o córtex sensorial genital. Esta é a mesma região do cérebro ativada pela estimulação do clitóris. O que significa que o cérebro das mulheres entende a estimulação do mamilo e dos genitais da mesma forma. Isso pode ser suficiente para levar ao orgasmo.
  • 2
    Enquanto dorme
    Não temos controle sobre os nossos sonhos, mas nossos sonhos podem ter controle sobre nosso corpo. Um sonho erótico é capaz de mexer com o subconsciente a ponto de ultrapassá-lo e alcançar o consciente. Com isso, o que era sonho, vira realidade – na medida do possível. Você não conseguirá transportar um parceiro para a sua cama, por exemplo. Mas não é incomum acordar ‘molhada’. E, acredite, é possível chegar além, sem querer, querendo. “O inconsciente não tem freio. Uma fantasia que não se consegue realizar acordada, pode acontecer no sonho. Sem perceber, quem dorme se mexe, como manda a imaginação, estimulando as regiões erógenas. E a consequência desse toque pode ser o orgasmo”, explica o Dr. Amaury Mendes.
  • 3
    Com o beijo na boca
    Tudo que é mucosa tem terminação nervosa. E toda terminação nervosa tem potencial para estimular a ponto de levar ao orgasmo, explica o terapeuta sexual. “A propósito, a boca tem o mesmo número de terminações nervosas que tem a vagina”, continua. De posse dessa informação, não é difícil chegar à conclusão de que um beijo na boca pode levar ao orgasmo. “Se o gosto da saliva agrada, é mais estimulante ainda”, conclui o especialista.
  • 4
    Falar ao pé do ouvido
    “A voz é um condutor muito interessante. É sugestivo. Se você já teve prazer com aquela pessoa, sabe quem aquela pessoa é, facilita ainda mais o jogo”, explica o ginecologista e terapeuta sexual. Segundo o Dr. Amaury Mendes, como o ouvido está muito próximo do cérebro, facilita o estímulo da imaginação. “Mas como não é uma região de mucosa, o ideal é dar um empurrãozinho estimulando em uma das áreas com terminações nervosas”, sugere.

     

Anúncios

Quer engravidar? Cuide da saúde e se planeje o quanto antes!

Padrão

DivulgaçãoAproximadamente 40% dos casais que não conseguem engravidar têm fertilidade primária, enquanto 60% apresentam infertilidade secundária, ou seja, problemas de fertilidade após uma ou mais gestações, ou em decorrência de abortos.

De acordo com o sócio-diretor da Unifert, Carlyson Moschen, o problema ocorre com maior frequência entre as mulheres e as principais causas são a endometriose, a obstrução das trompas, as complicações em partos anteriores e a gravidez tardia. Os tratamentos são os mesmos aplicados em casos de infertilidade primária.

Muitos casais têm o primeiro filho e por inúmeras razões resolvem dar continuidade à família após muitos anos. Essa gravidez tardia, juntamente com a endometriose, podem ser as causas mais frequentes da infertilidade secundária.

Carlyson lembra que a mulher tem duas idades, a idade física e a ovariana. “A mulher pode estar muito bem fisicamente, com a saúde em perfeito estado, porém os óvulos vão ‘envelhecendo’ com o tempo. E isso significa uma perda na qualidade e, até mesmo, a diminuição no número de óvulos”, afirma.

Já a endometriose, apesar de ainda não haver um consenso científico das causas, é considerada a doença da mulher moderna. Pois a correria do cotidiano e o estresse podem atuar diretamente no seu desenvolvimento.

Portanto, para o especialista, a melhor forma de evitar um problema de infertilidade é não perder tempo. O período ideal entre uma gestação e outra é de aproximadamente dois anos. “A mulher não deve esperar muito, principalmente, se ela já tiver uma gestação considerada tardia para os padrões naturais”, conclui.

Confira barriguinha saliente da grávida Juliana Paes

Padrão

Já está saliente a barriguinha de Juliana Paes, grávida de cinco meses. Muito elegante, a atriz e o marido, Eduardo Baptista, escolheram um programa gastronômico para encerrar este fim de semana. O casal foi clicado enquanto entrava em uma badalada churrascaria do Rio, na noite de domingo (22).

Luan Santana e Mariana Molina estão se conhecendo melhor, dizem amigos

Padrão

O meio artístico pode ganhar um novo casal. O cantor Luan Santana e a atriz de Malhação (TV Globo), Mariana Molina, foram vistos aos beijos em um restaurante japonês, na Barra da Tijuca, zona oeste do Rio.

Amigos da atriz contaram ao R7 que os dois estão saindo juntos toda vez que o cantor vem ao Rio para cumprir sua agenda de compromissos. O relacionamento, segundo eles, ainda não é um namoro.

Santana e Mariana se conheceram nas gravações de Malhação em janeiro – ele fez uma participação na trama. Mas os dois só ficaram um tempo depois, quando o artista reencontrou o elenco fora do set da novela.

O R7 procurou a assessoria de Luan Santana, que preferiu não falar sobre a vida pessoal do cantor.

– O Luan não está namorando. Mas ele se aproximou dos atores da novela fora dos bastidores.

Caio Blat diz que gosta de palavras sacanas no sexo

Padrão

O ator Caio Blat contou suas preferências sexuais a Preta Gil no programa Vai e Vem (GNT), que vai ao ar nesta sexta-feira (7).

Ele também falou sobre como foi fazer parte de um triângulo amoroso com sua mulher, Maria Ribeiro, e a atriz Luz Cipriota no filme Histórias de Amor Duram Apenas 90 Minutos, que estreou este ano. O ator contou que o longa “foi uma forma de realizar uma fantasia do casal”.

Blat também respondeu perguntas do bate-bola e disse que, na hora do sexo, prefere ouvir palavras sacanas a palavras carinhosas, mas que tem hora para as duas. E confessou que prefere estar com uma mulher para sempre a ficar com duas.

Rita Cadillac também esteve presente como convidada especial da atração. Sobre sua participação em filmes pornográficos, Rita revelou que precisou beber para fazer algumas das cenas de sexo, em que contracenou com um parceiro e depois com uma parceira: “Foi a minha primeira vez”.

Não desejo mais meu marido. O que faço?

Padrão

“Perdi o tesão pelo meu marido. E agora?”

“Estamos juntos há quase 12 anos e não tenho mais tesão pelo meu marido. Um dia, ele chegou todo cheio de amor para dar. O clima começou a esquentar e já nas preliminares senti que não era aquilo que eu estava querendo. Achei que fosse cansaço, pois minha filha era recém-nascida. O tempo passou e as coisas não mudaram”, conta Amanda*.

Dramas como o desta mãe de duas crianças é mais comum do que se pensa. “Os parceiros se apaixonam e, no começo, o sexo é muito diferente, pois ambos estão se conhecendo. O sexo se alimenta sempre da novidade, do inesperado. Quando a relação existe há tempos, o tesão precisa ser nutrido”, comenta o psicólogo Paulo Tessarioli, especialista em sexualidade.

Afeto e autoconhecimento
Ninguém duvida que o afeto é o grande alimento do tesão. Com ele, estabelecemos uma relação de intimidade com o outro e esta situação, mesmo que o prazer esteja em baixa, auxilia os parceiros a se posicionarem de maneira franca e aberta, proporcionando saídas para reativar o desejo.

“Afazeres do dia-a-dia, filhos, trabalho começam a interferir nas relações e é comum a sexualidade ficar fora dela. Isso tanto para homem quanto mulheres. A rotina é um horror para acabar com a relação”, acrescenta a psicoterapeuta Maura de Albanesi.

A perda de prazer pode estar ainda relacionada aos hormônios, menopausa ou mesmo a uma gravidez. “Apesar de não ser uma doença, a queda da libido pode promover mudanças no humor, que deixam a pessoa com menos desejo por não conseguir lidar com isso”, explica a psicóloga Sandra Vasques, coordenadora do Instituto Kaplan.

Perda de emprego, morte de um ente querido, traição, brigas mal resolvidas, não se sentir bem consigo mesma ou a vida perder a graça são alguns dos motivos que também levam à perda de apetite sexual. Portanto, é bom parar um minuto e verificar se seu “esfriamento” tem origem em alguma destas fontes, ou se está mesmo ligada diretamente ao seu marido.

Vale a pena continuar?
Essa é a pergunta a se fazer em momentos como este. Amanda sempre sentiu prazer com seu marido. “Transamos até um dia antes do meu primeiro filho nascer e era prazeroso. Depois, não conseguimos nem esperar o tempo da dieta. Só que na segunda gravidez foi diferente e nos meses finais não fazíamos mais sexo.”

Em seu relato, Amanda conta que passou a se sentir feia e deprimida. “Um relacionamento não é constituído apenas de sexo. Há outros aspectos na vida de um casal que contam. Se a mulher se sente apoiada e estimulada pelo marido, em uma relação de respeito, amizade e parceria, com pequenos conflitos, então o problema está localizado na área sexual. Neste caso vale a pena tentar, fazer uma reflexão de como começou a falta de tesão, se houve situação mal resolvida e que deixou mágoas que possam afastar os parceiros”, diz Sandra Vasques.

Somente quem está dentro do relacionamento saberá se vale a pena continuar investindo ou não. “Se existe admiração, sentimento de orgulho e amor. Agora, se o outro se tornou um ser desprezível, é melhor pular fora”, acrescenta Maura de Albanesi.

Vale ressaltar que ninguém está pronto para se relacionar com ninguém. “Os relacionamentos são construídos a partir do investimento de ambos. Pense no seguinte: 50% é a sua cota de participação nesta empreitada. Os outros 50% tem que vir do outro lado”, completa Paulo Tessarioli. Agora, desrespeito e agressividade são indícios de que o casal não se tolera mais.

Um pouco de pimenta
Algumas atitudes podem ajudar a reverter a situação. “Para sentir prazer é preciso procurar seduzir um ao outro, com criatividade, romantismo e erotismo”, diz Sandra Vasques. Além disso, cuidar do corpo, ter saúde e estar bem apresentável ajudam a recuperar a autoestima e o prazer durante o sexo. “Saia da rotina, procure fazer coisas diferentes. Marque encontros, crie um clima de romantismo. Vale tudo, até mesmo roupinhas, fantasias e jogos”, brinca Maura de Albanesi.

Já Paulo Tessarioli recomenda o diálogo sempre. “Comunicação franca e direta é o que dita a qualidade de uma relação a dois. Pense em procurar seu marido e conversar sobre isso. Quem sabe ele também esteja enfrentando o mesmo problema? Os homens não são máquinas de sexo como muitos pensam. Ambos podem sofrer com isto”.
*O nome foi trocado a pedido da entrevistada

 

Fonte: http://delas.ig.com.br

Casal faz filme pornô para pagar o casamento dos sonhos

Padrão

Vale tudo para concretizar um sonho? O casal britânico Lisa Brand e Tommy Barnes acham que sim. Os dois já fizeram três filmes pornográficos e pretendem participar de mais quatro para fazer a cerimônia de casamento que sempre quiseram em Cancun, no México, no próximo mês de junho.

O casal, que tem quatro filhos, já se fingiu de fotógrafo e modelo de lingerie em um dos filmes e também apareceu em um ménage.

Barnes deixou até mesmo a mulher depilar seu peito cabeludo com cera quente, para simular uma cena de um filme da Madonna.

Lisa diz ao jornal The Sun que contou para os amigos e para a família sobre sua nova profissão.

– Eles nos entendem. Sabem que sempre foi nosso sonho fazer um casamento como nos contos de fadas.

Barnes diz que o que fazem é algo que ficará guardado para sempre.

– São os nossos cinco minutos de fama. Algo que nos lembraremos quando ficarmos mais velhos. Além do que, foi algo que nos deixou ainda mais juntos.